Os filmes de super-heróis de Nicolas Cage

Relembre as aventuras do ator em filmes baseados em quadrinhos

Gabriel Avila Publicado por Gabriel Avila
Os filmes de super-heróis de Nicolas Cage

Nicolas Cage surpreendeu os fãs ao revelar que gostaria de interpretar um vilão do Batman nos cinemas. Fazendo jus à sua personalidade exótica, o astro revelou que gostaria de viver o Cabeça de Ovo, bizarro inimigo do Homem-Morcego criado para a série dos anos 1960.

O que muita gente talvez não saiba é que o ator é um grande fã de quadrinhos, que pegou emprestado seu sobrenome artístico do personagem Luke Cage e interpretou vários personagens de HQs ao longo da carreira. Para que você relembre ou conheça algumas dessas figuras, reunimos abaixo os filmes de super-heróis protagonizados por Nicolas Cage:

Motoqueiro Fantasma (2007)

Antes da Marvel inaugurar seu bem-sucedido universo cinematográfico, alguns de seus heróis chegaram aos cinemas em produções isoladas. É o caso de Motoqueiro Fantasma, filme que teve Cage como Johnny Blaze, o acrobata que vira um caçador sobrenatural após ser amaldiçoado por um pacto com o demônio Mefistófeles (conhecido como Mefisto pelos mais íntimos).

O filme está disponível para aluguel e compra em Globoplay, Claro Video, Microsoft Store, Apple TV+ e Amazon.

Kick-Ass: Quebrando Tudo (2010)

Cage voltou ao universo dos super-heróis como Big Daddy em Kick-Ass: Quebrando Tudo. Adaptação da HQ autoral de mesmo nome, a história acompanha as aventuras de Kick-Ass, um desastrado vigilante que passa a combater o crime no mundo real após ler muito gibi. Na jornada, ele conhece a Hit-Girl (Chloë Grace Moretz) e seu pai, letal e misterioso Big Daddy.

O filme está disponível para streaming no Star+ e NOW.

Motoqueiro Fantasma: Espírito de Vingança (2011)

O primeiro filme do Motoqueiro Fantasma não caiu nas graças da crítica, mas fez um sucesso razoável com o público ao ponto de ganhar uma sequência. Espírito de Vingança mostra Johnny Blaze escondido para tentar controlar a entidade demoníaca que toma conta de seu corpo. Ele é obrigado a voltar à ação para salvar um garoto que está na mira do Diabo, que pretende encarnar no corpo do jovem.

O filme está disponível para streaming na Netflix e Pluto TV.

Os Jovens Titãs em Ação! Nos Cinemas (2018)

Um dos desenhos do Cartoon Network de maior sucesso nos últimos anos, Os Jovens Titãs em Ação! migrou para os cinemas em 2018. Na trama, o grupo percebe que todos os super-heróis estão ganhando filmes e partem em busca de um espacinho em Hollywood. Na jornada, eles encontram vários dos grandes nomes do Universo DC, incluindo o Superman, que no áudio original é dublado por Nicolas Cage. A pequena participação do astro é um curioso fechamento de ciclo, já que ele quase interpretou o Homem de Aço em um filme que nunca saiu do papel (saiba mais abaixo).

O filme está disponível para streaming na HBO Max.

Homem-Aranha no Aranhaverso (2019)

Após emprestar sua voz a um dos maiores heróis da DC, o ator repetiu a dose na Marvel. A aclamada animação Homem-Aranha no Aranhaverso mostrou o jovem Miles Morales descobrindo os poderes e responsabilidades de se tornar um Homem-Aranha após ser picado por uma aranha radioativa. Para se entender na jornada, o garoto conta com a ajuda de versões do Homem-Aranha vindos de diferentes universos. Um deles é o Noir, papel de Nic Cage, uma versão detetivesca vinda de um universo em preto e branco aos moldes dos filmes policiais das décadas de 1940 e 1950.

O filme está disponível para streaming na Netflix e NOW.

Bônus: Superman Lives

Essa é famosa a história de quando Cage quase interpretou o Superman nos anos 1990. Ele viveria o Homem de Aço em Superman Lives (Superman Vive, em tradução livre), projeto que nunca aconteceu graças a várias diferenças criativas entre produtores, o diretor Tim Burton (Batman) e Kevin Smith (Demolidor: Diabo da Guarda), roteirista idealizador do projeto.

Ainda que muitos fãs lamentem ter perdido a oportunidade de ver o astro como o kryptoniano, o projeto contava com ideias, no mínimo, bizarras. Entre elas estava a inspiração na HQ A Morte do Superman, a proibição de mostrar o herói voando e um final que mostraria ele lutando contra uma aranha gigante. A história dessa tumultuada produção fracassada foi contada no documentário The Death of Superman Lives (2015).

div-ad-vpaid-1
div-ad-sidebar-1
div-ad-sidebar-halfpage-1