Vídeos que mostram feminista sendo agredida em RDR2 voltam ao YouTube [Atualizado]

Vídeos mostram a personagem feminista sendo agredida de várias formas

Redação NerdBunker Publicado por Redação NerdBunker
Vídeos que mostram feminista sendo agredida em RDR2 voltam ao YouTube [Atualizado]

Atualização 8/11/2018 – 18h: Após a publicação, o YouTube colocou os vídeos de volta ao ar. Adicionando o aviso de que o vídeo pode ter conteúdo impróprio.

[Publicação original]: De acordo com o site da BBC, o YouTube retirou do ar oito vídeos de jogadores de RDR2 que faziam o protagonista agredir uma mulher do movimento sufragista que pedia por igualdade de voto no jogo. A plataforma alegou que eles violam suas regras sobre o que é considerado conteúdo aceitável.

Os vídeos mostravam a personagem feminista sendo espancada até ficar inconsciente, alvejada, jogada de penhascos e amarrada para ser devorada por um jacaré. Um dos canais chegou a ser suspenso.

“As diretrizes de comunidade do YouTube proíbe muitas coisas, entre elas: violência e nudez gratuitas, atividades ilegais e perigosas e discursos de ódio. Formatos criativos como videogames podem ser desafiadores para avaliar, mas quando seu conteúdo ultrapassa os limites, precisamos tomar alguma providência”, disse uma porta-voz da plataforma.

A história de Red Dead Redemption 2 se passa no final do século 19, cerca de duas décadas antes das mulheres ganharem o direito de voto nos Estados Unidos.

A Rockstar Games ainda não se pronunciou sobre o caso.

Mais notícias