Vazamento da Capcom expõe informações de jogos e de funcionários da empresa

Dados sensíveis de clientes e acionistas também foram comprometidos

Marina Val Publicado por Marina Val
Vazamento da Capcom expõe informações de jogos e de funcionários da empresa

No início deste mês, a Capcom sofreu um ataque ransomware no qual cerca de 1TB de informações teriam sido vazadas e, entre elas, informações pessoais de funcionários, clientes e acionistas, além de documentos de desenvolvimento de jogos, como Resident Evil Village e outros não anunciado.

Segundo a própria Capcom, o vazamento pode incluir nomes, emails, telefones e endereços de 134 mil usuários japoneses do serviço de suporte e nomes e emails de 14000 clientes da loja americana da empresa. A companhia afirma que nenhum dado de cartão de crédito vazou, já que as transações online são processadas por um serviço terceirizado.

Além disso, os dados de 40 mil acionistas, 28 mil ex-funcionários, e pelo menos 125 mil pessoas que tentaram vagas na Capcom foram comprometidos. Nessa última categoria, além de nomes, endereços, emails e telefones, até as fotos das pessoas foram obtidas.

Entre informações de jogos que já estão circulando na internet por conta desse vazamento, estão documentos internos sobre Resident Evil Village, o novo título da franquia de terror. De acordo com os slides, o game teria dublagem em português, algo muito pedido pelos fãs, e lançamento previsto para abril de 2021. Além disso, o jogo seria lançado para PlayStation 4 e Xbox One, além das já anunciadas versões de PS5 e Xbox Series.

A série animada da franquia, Resident Evil: No Escuro Absoluto, que está sendo produzida em parceria com a Netflix, pode chegar em maio de 2021.

Um novo jogo, apelidado de “Shield”, também estava nos documentos vazados. Supostamente seria um shooter com uma campanha principal e vários modos multiplayer, incluindo raids, sobrevivência e defesa de base. Há planos para lançar uma demo para PC em setembro de 2021 e o lançamento aconteceria em março de 2022.

Uma outra IP, com apelido de “Guillotine“, estaria sendo desenvolvida para Nintendo Switch. O projeto “Reiwa” também está em produção, mas não há muitas informações sobre o que ele seria ou para qual plataforma seria lançado.

Outros títulos que também aparecem citados no vazamento são Monster Hunter Rise e Monster Hunter Stories 2. Eles já foram já confirmados para o console da Nintendo e também devem ser lançados para PC. Além disso, há planos de lançar uma coletânea de Ace Attorney para Nintendo Switch e PlayStation 4.

Mais notícias