Robson Rocha, quadrinista brasileiro da DC, morre aos 41 anos

Jim Lee, Neil Gaiman e Sidney Gusman homenagearam o artista nas redes sociais

Fernanda Talarico Publicado por Fernanda Talarico
Robson Rocha, quadrinista brasileiro da DC, morre aos 41 anos

O quadrinista brasileiro Robson Rocha morreu no último domingo (11), aos 41 anos, em decorrência de problemas causados pela COVID-19. O artista estava internado desde junho no Hospital Eduardo de Menezes, em Belo Horizonte, Minas Gerais.

Desde 2016 ele era desenhista exclusivo da DC Comics, onde começou a trabalhar em 2010. Ele esteve em várias HQs dos Novos 52, como Batman/Superman e Aves de Rapina. Ele também desenhou algumas edições de Demon Knights, Batman Eterno e Batman Arkham Knight. Sua última contribuição foi Future State – Justice League.

O anúncio de sua morte foi feito pela cunhada de Rocha, Maíra Perdigão, que escreveu em suas redes sociais: “Perdemos nosso querido Robson. Mas o céu ganhou um artista maravilhoso, que vai esboçar todos os melhores momentos divinos”.

A morte de Robson Rocha causou comoção entre grandes nomes dos quadrinhos, como Neil Gaiman, Jim Lee e Sidney Gusman, que homenagearam o artista em suas redes sociais.

Veja abaixo as homenagens.

“É com muita tristeza que compartilho a triste notícia que o artista da DC, Robson Rocha, morreu. Um artista jovem e incrivelmente talentoso do Brasil, Robson começou na DC só há 11 anos e sempre me impressionou com a sua incrível energia e fluidez de seu trabalho com personagens, a graça de de suas linhas e o poder de suas composições. Minhas condolências, primeiramente, à esposa e à sua filha, aos muitos colegas que admiravam e respeitavam seu talento, e aos incontáveis fãs ao redor do mundo que amaram e desfrutaram de sua arte”, escreveu o diretor da editora.

“Muito triste por saber disso. Minhas condolências aos amigos, à família e aos colegas”, escreveu Gaiman.

Robson Rocha deixa esposa e filha.

Com informações do G1.

div-ad-vpaid-1
div-ad-sidebar-1
div-ad-sidebar-halfpage-1