Diretores queriam que Guerra Infinita fosse uma experiência intensa para os fãs

Os irmãos Russo ainda disseram que todos os riscos foram reais no longa

Tayná Garcia Publicado por Tayná Garcia
Diretores queriam que Guerra Infinita fosse uma experiência intensa para os fãs

Desde antes de sua estreia, Vingadores: Guerra Infinita prometia ser a maior aventura da Marvel Studios, colocando até em risco a vida dos heróis mais conhecidos do estúdio.

[Atenção! A partir de agora, spoiler de Guerra Infinita]

E em entrevista para o BUILD Series, os irmãos Anthony e Joe Russo falaram que desenvolveram Guerra Infinita para ser uma experiência emocionalmente instável para os fãs, além de sugerirem que todas as mortes do longa são reais e possivelmente irreversíveis.

Esses riscos [de morte] nos ajudam a criar uma experiência emocionalmente catártica no cinema. O que nós podemos dizer é isso: nós temos um grande compromisso com a realidade desses riscos nos filmes [Guerra Infinita e Vingadores 4] e com a possibilidade de os personagens pagarem caro por seus atos. Nós só podemos dizer isso. Isso é real e faz parte do que são esses filmes.

Vingadores: Guerra Infinita estreou batendo diversos recordes no mundo todo, entre eles maior bilheteria dos EUA e do mundo todo.