Oscar terá novas regras para aumentar a diversidade

"A necessidade de resolver esse problema é urgente", disse o CEO da Academia de Artes e Ciências Cinematográfica

Fernanda Talarico Publicado por Fernanda Talarico
Oscar terá novas regras para aumentar a diversidade

A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas anunciou novas regras para aumentar a diversidade do Oscar e sua organização.

Por meio de um comunicado publicado nesta sexta-feira (12) no site oficial, a Academia explicou que, até o final de julho, uma espécie de grupo especial seja criado para discutir e criar novas quais os critérios serão exigidos dos filmes que disputarão o prêmio.

Vale pontuar que as novas regras que serão estabelecidas não funcionarão para o Oscar de 2021; provavelmente elas entrarão em vigor apenas para o prêmio de 2022.

“Embora a Academia tenha feito progressos, sabemos que há muito mais trabalho a ser feito para garantir oportunidades equitativas em todos os setores”, disse o CEO da Academia, Dawn Hudson. “A necessidade de resolver esse problema é urgente. Para esse fim, alteraremos – e continuaremos a examinar – nossas regras e procedimentos para garantir que todas as vozes sejam ouvidas e celebradas.”

Foi anunciado também que a categoria de Melhor Filme sempre terá dez filmes na disputa, não mais variando o número de candidatos, como vem acontecendo desde 2019. As informações são do The New York Times.

O Oscar 2021 está marcado para acontecer no dia 28 de fevereiro, em Los Angeles, mas rumores apontam que ele pode ser adiado (saiba mais aqui).