Entenda as cenas pós-créditos do último episódio de WandaVision

Cenas fazem ligação com outros filmes e deixam ganchos para a Fase 4

Priscila Ganiko Publicado por Priscila Ganiko
Entenda as cenas pós-créditos do último episódio de WandaVision

O nono e último episódio de WandaVision já está disponível, e ele conta com duas cenas extras que dão pistas sobre o que veremos na Fase 4 do universo cinematográfico da Marvel.

[Aviso: O texto abaixo contém spoilers e recomendamos assistir ao nono episódio antes de continuar.]

Assim como nos filmes, os episódios de WandaVision também trazem algumas cenas no meio e após os créditos para conectar as produções do MCU, seja dando dicas de quais personagens vão se encontrar a seguir ou para contextualizar alguns momentos importantes para o futuro da mega franquia.

Primeira cena pós-créditos

A primeira das cenas, que aparece logo após a primeira leva de créditos, mostra Mônica Rambeau e Jimmy Woo se reencontrando em Westview. Enquanto os dois conversam, uma policial aparece e avisa que alguém está esperando por Mônica no cinema da cidade.

A personagem entra no cinema e vai até a frente da tela, seguida pela policial, que se revela uma skrull enviada por um “velho amigo” de sua mãe. É interessante notar o uso dos pronomes masculinos na fala da skrull, eliminando a ideia de que a pessoa que está procurando por Mônica é Carol Danvers, a Capitã Marvel.

Aqui também há um trocadilho com a palavra “grounded”, que pode ser traduzida como estar de castigo mas, em tradução mais literal, significa que a pessoa está presa na terra.

Quando Mônica pergunta onde este “velho amigo” está esperando por ela, a skrull aponta para cima, indicando que ela terá que voar para encontrá-lo — talvez para fora da órbita terrestre.

Há a possibilidade de que o amigo em questão seja Nick Fury, avistado pela última vez em uma estação espacial cheia de skrulls na cena pós-créditos de Homem-Aranha: Longe de Casa, o último filme da Fase 3 do MCU.

Segunda cena pós-créditos

A segunda cena pós-créditos mostra o paradeiro de Wanda depois que ela saiu de Westview.

A personagem é vista em uma casa modesta e isolada no meio de montanhas nevadas, tomando um chá. Sem mudar de cena, a câmera avança e mostra a personagem novamente, estudando o Darkhold atentamente em sua forma astral — já vestida com o uniforme adotado por ela quando saiu voando da cidade.

A cena é interrompida após a Feiticeira escutar as vozes de seus filhos Billy e Tommy chamando por ela e pedindo ajuda, o que não deveria ser possível, já que os gêmeos foram criados por seus poderes e, teoricamente, deveriam ter desaparecido quando ela retornou Westview ao estado original.

O fato de que Wanda ainda pode ouvi-los levanta questionamentos sobre a existência de outros universos que possam ter uma versão dos meninos.

Fãs encontraram similaridades entre o lugar onde ela foi morar e o Monte Wundagore, uma montanha de picos nevados que é o local onde o Darkhold foi escrito originalmente por Chthon, um dos deuses anciões e o primeiro a utilizar magia obscura. Nos quadrinhos, o Darkhold é um compilado de profecias e feitiços redigidos por ele, contendo todo seu conhecimento arcano, e também funciona como uma ponte entre a realidade onde ele vive e a Terra.

Outras teorias apontam que os filhos de Wanda, também conhecidos como Wiccano e Célere nas HQs, andam junto com America Chavez como os Jovens Vingadores. Chavez tem aparição confirmada em Doutor Estranho 2, que promete apresentar o multiverso — afinal, o nome do filme em inglês é Doctor Strange in the Multiverse of Madness, que pode ser traduzido como Doutor Estranho no Multiverso da Loucura.

Wanda usa a forma astral para estudar o Darkhold

WandaVision pode ter chegado ao fim, mas a Fase 4 do universo cinematográfico da Marvel está apenas começando, e as cenas pós-créditos vem para nos lembrar de que tudo está interligado — como já estamos acostumados quando o assunto é MCU.