Duna | Diretor de fotografia comenta sobre filme ser dividido em duas partes

"É um filme épico totalmente independente"

Tayná Garcia Publicado por Tayná Garcia
Duna | Diretor de fotografia comenta sobre filme ser dividido em duas partes

A versão de Denis Villeneuve do clássico Duna será dividida em duas partes para adaptar tudo que o livro oferece, o que fez muitos fãs pensarem que seria uma história cortada no meio.

Mas parece que o diretor de fotografia Greig Fraser não concorda com essa perspectiva. Em entrevista para a Collider, ele explicou que, na verdade, vê como dois filmes que funcionam de forma independente.

[O primeiro filme] tem uma história muito bem desenvolvida, que pode seguir por diversos caminhos. É um filme épico totalmente independente, que vai surpreender muitas pessoas. É uma aventura impressionante visualmente.

Fraser já trabalhou em diversos projetos no cinema e na televisão, como The Mandalorian, Star Wars: Rogue One, O Homem da Máfia, Foxcatcher e A Hora Mais Escura.

A história acompanha Paul Atreides e sua família, que é enviada para tomar controle do planeta Arrakis, conhecido como “Duna”. Isso não agrada os ex-comandantes do planeta, os Harkonnen, que decidem não abrir mão do local tão facilmente — e é então que uma trama que envolve política, religião e a relação do homem com a natureza passa a se desenrolar.

O elenco do filme conta com Timothée Chalamet, Stellan Skarsgard, Rebecca Ferguson, Dave Bautista, Charlotte Rampling, Javier Bardem, Zendaya, Jason Momoa e Oscar Isaac.

A nova adaptação cinematográfica de Duna comandada por Denis Villeneuve tem estreia prevista para 17 de dezembro de 2020 no Brasil.