CEO da Disney compara Jon Favreau a George Lucas

Bob Iger disse ter "muita fé" no criador de The Mandalorian

Fernanda Talarico Publicado por Fernanda Talarico
CEO da Disney compara Jon Favreau a George Lucas

Bob Iger, o CEO da Disney, revelou ter apoiado a decisão de ter The Mandalorian, série live-action de Star Wars, como a primeira série original a estrear no Disney+ porque acredita que o criador Jon Favreau é um ótimo contador de histórias, com a habilidade de inovar em tecnologia, assim como George Lucas. As informações são do Comic Book.

Seguindo o modelo estabelecido por Walt Disney, Iger acredita que a empresa deve adotar a tecnologia por duas razões principais.

“Primeiro, use [a tecnologia] para tornar o produto e as histórias que você conta mais atraentes para o público. Não consigo pensar em um exemplo melhor de alguém que fez isso do que George Lucas, que usou a tecnologia para contar uma história do melhor jeito possível. E foi, obviamente, o que vimos em 1977, quando com o primeiro filme de Star Wars. A segunda foi: vamos usar a tecnologia para distribuir nosso conteúdo às pessoas não apenas de maneiras mais eficazes, mas de formas mais atraentes para elas, de jeitos mais satisfatórios. Eu acho que o Disney + tem uma boa parte dos dois pontos.”

Bob Iger apontou ainda que Baby Yoda – também conhecido como The Child em The Mandalorian – é um bom exemplo desta entrega de tecnologia.

Ao ser questionado sobre o motivo de ter estreado o Disney+ já com o primeiro episódio da série de Star Wars, Iger explicou que tem “muita fé” no trabalho de Favreau, conhecido também por ter dirigido Homem de Ferro, Homem de Ferro 2, Mogli – O Menino Lobo e Rei Leão.

“Primeiramente, nós temos muita fé em Jon. Tanto como um contador de histórias, mas também como um contador de histórias como George Lucas, que sabe como usar a tecnologia a favor de suas histórias, e pelo bem do público que acabará por ouvir e ver as histórias. […] Vimos isso em Mogli – O Menino Lobo que ele refez para nós, o que achei brilhante de diversas maneiras. Certamente vimos isso em Reio Leão, um avanço em vários níveis.”

Iger explicou que “Jon teve a ideia de uma série de Star Wars e imediatamente entendemos que tínhamos não apenas um ótimo contador de histórias, mas um contador que continuaria a escrever novas regras e a explorar novos territórios em termos de como usar a tecnologia para contar grandes histórias que parecem novas”.

The Mandalorian estreou exclusivamente na Disney+, nos Estados Unidos. O serviço chega ao Brasil em novembro de 2020.