007 – Sem Tempo Para Morrer | Diretor queria que o filme fosse alucinação de James Bond

O que seria uma consequência da misteriosa agulha de 007 Contra Espectre

Tayná Garcia Publicado por Tayná Garcia
007 - Sem Tempo Para Morrer | Diretor queria que o filme fosse alucinação de James Bond

Em entrevista para a revista Interview, o diretor Cary Fukunaga revelou que tinha uma ideia um tanto diferente para a trama de 007 — Sem Tempo Para Morrer.

Ele queria que o filme se passasse na cabeça de James Bond, sendo apenas uma alucinação do agente causada pela misteriosa agulha de 007 Contra Espectre.

Eu tive uma ideia de que o filme poderia se passar no covil do vilão do filme mais recente [007 Contra Espectre]. Lá, há uma cena em que colocam uma agulha na cabeça de James Bond, que supostamente o faria se esquecer de tudo, mas então ele escapa milagrosamente por conta de uma bomba pré-programada. Ele e Léa explodem o lugar inteiro e acabam salvando o dia. Eu apenas pensei: “e se tudo até o fim do segundo ato se passasse apenas na cabeça dele?”

Apesar de ser uma ideia interessante, Fukunaga não explicou porque não a levou para frente.

Com direção de Cary Fukunaga (True Detective) e roteiro de Neal Purvis, Robert Wade, Phoebe Waller-Bridge (Fleabag) e Scott Z. Burns, Sem Tempo Para Morrer traz Daniel Craig como o agente 007 uma última vez. Ele também protagonizou Casino RoyaleQuantum of Solace, Skyfall e Spectre.

007 – Sem Tempo Para Morrer está previsto para ser lançado no Brasil no dia 19 de novembro.

Encontrou algum erro na matéria? Avise-nos

Creative Commons