Neil Gaiman adaptou roteiro de Princesa Mononoke por indicação de Tarantino

O nome do escritor acabou sendo tirado de todos os materiais de divulgação por questões técnicas

Marina Val Publicado por Marina Val
Neil Gaiman adaptou roteiro de Princesa Mononoke por indicação de Tarantino

Neil Gaiman é um autor conhecido por sua versatilidade. Ele escreveu inúmeros livros, quadrinhos, contos, áudio dramas, além de roteiros para o cinema e para a TV.

Entre um dos trabalhos de Gaiman que normalmente não são normalmente associados a ele está a adaptação em inglês do roteiro de dublagem de Princesa Mononoke (Mononoke Hime), no fim dos anos 1990. No Twitter, o autor explicou o motivo para essa trívia ter passado despercebida para tantos fãs:

“Meu maior segredo. (Studio Ghibli pediu para que removessem alguns dos executivos da Miramax do pôster e dos créditos. Os executivos olharam para todos os nomes, determinaram que o deles ia permanecer, e perceberam que o meu era contratualmente descartável.)”

O nome do autor chega a aparecer nos créditos finais do anime, mas foi omitido de todos os materiais de divulgação.

Em outro tweet, Neil Gaiman confirma a informação de que ele foi indicado para o trabalho por Quentin Tarantino. O diretor de Pulp Fiction seria a primeira opção do estúdio, mas acabou sugerindo Gaiman para assumir a responsabilidade:

Em entrevistas anteriores, Gaiman comentou que escreveu inicialmente cinco rascunhos do roteiro para a Miramax, que então teve que aprovar cada palavra diretamente com o estúdio Ghibli. Depois desse quinto script, ele foi afastado por seis meses da produção, mas acabou retornando para fazer a versão final.

Princesa Mononoke é um filme escrito e dirigido por Hayao Miyazaki que foi lançado no Japão em 1997. Nos Estados Unidos e no Brasil, o longa estreou em 1999.