Tom Hanks financiou partes de Forrest Gump com o próprio dinheiro

Ator revelou que foi necessário que ele e o diretor Robert Zemeckis ajudassem na produção

Fernanda Talarico Publicado por Fernanda Talarico
Tom Hanks financiou partes de Forrest Gump com o próprio dinheiro

Forrest Gump se tornou um dos maiores clássicos do cinema e, até hoje, é bastante cultuado pelos fãs. Mas, diferente do que se imaginava, o custo do filme não foi pago totalmente pela Paramount, o estúdio responsável pelo longa.

Em recente entrevista concedida ao programa In Depth with Graham Bensinger (via NME), o astro Tom Hanks revelou que ele e o diretor Robert Zemeckis tiveram que bancar do próprio bolsos algumas cenas da produção.

Segundo Hanks, o momento em que Forrest Gump corre pelo país, no meio do filme, foi considerado muito caro pela Paramount, e não seria pago por ela. Zemeckis acreditava que aquele momento era crucial para o título, e pediu ajuda ao protagonista.

E ele disse: ‘Bem, esta corrida vai custar X dólares.’ E não foi barato. Eu disse: ‘OK’. Ele disse: ‘Você e eu vamos dividir esse valor e vamos devolvê-lo [à Paramount]. Vamos dar-lhe o dinheiro de volta, mas vocês [da Paramount] vão ter que dividir os lucros um pouco mais.’ O estúdio disse: ‘Ótimo, muito bom, OK’. Foi bom para a gente também.

O astro revelou também que houve outro momento em que foi necessário desembolsar uma certa quantia de dinheiro para que uma cena – que não foi especificada – acontecesse. Tom Hanks explicou que houve problemas com o clima no local da gravação e não havia seguro para cobrir as filmagens.

Bob [Zemeckis] e eu dissemos: nós cobrimos o seguro. E então gravamos.

Forrest Gump foi lançado em 1994 e, segundo o Box Office, arrecadou mais de US$ 1 bilhão de bilheteria mundialmente.

Mais notícias