Jovem Nerd - Notícias sobre filmes, séries, HQs, games, animes, ciência, tecnologia e humor, porque rir não faz mal a ninguém!

Atores, cineastas e outras personalidades lamentam a morte de Chadwick Boseman

Ator morreu nesta sexta-feira (28)

Priscila Ganiko Publicado por Priscila Ganiko
Atores, cineastas e outras personalidades lamentam a morte de Chadwick Boseman

Muitos atores e celebridades publicaram mensagens em suas redes sociais homenageando Chadwick Boseman, ator que morreu de câncer na sexta-feira (28) — saiba mais.

Amplamente conhecido por ter interpretado T’Challa, o Pantera Negra, no universo cinematográfico da Marvel, o ator estava escalado para retomar o papel na próxima fase dos filmes. Atores e cineastas que trabalharam com ele no MCU e em outras produções lamentaram a perda nas redes sociais e publicaram homenagens.

O ator Chris Evans compartilhou fotos junto com Boseman e disse estar “devastado” pela notícia, lamentando a carreira que o colega teria pela frente, mas também se disse “infinitamente grato pela amizade” que teve com o ator.

Mark Ruffalo, que interpretou Bruce Banner, o Hulk, nos filmes da Marvel, publicou uma mensagem em seu Twitter dizendo que “as tragédias desse ano se tornaram ainda mais profundas pela perda de Chadwick Boseman”, afirmando que o ator era um dos “melhores de todos os tempos, e sua grandeza estava apenas começando”.

Chris Hemsworth, o Thor, compartilhou uma foto com Boseman, afirmando que ele era “uma das pessoas mais bondosas e genuínas” que conheceu.

Tom Holland publicou uma foto de Boseman visitando crianças no hospital em sua conta do Instagram, com a legenda de que o ator era “mais herói fora das telas do que nelas”, afirmando que ele foi um modelo para “milhões de pessoas por todo o mundo”. Holland encerra dizendo: “Você trouxe alegria e felicidade para tanta gente e eu estou orgulhoso de ter podido te chamar de amigo”.

O ator Don Cheadle, conhecido por seu papel como James Rhodes, o Máquina de Combate do MCU, compartilhou uma foto com Boseman, com quem compartilhava o aniversário. Na legenda, diz que o colega “foi sempre luz e amor” para ele.

O ator Sterling K. Brown, que atuou em Pantera Negra ao lado de Boseman como N’Jobu, lamentou a morte do ator no Twitter com uma mensagem de agradecimento: “obrigado por tudo o que você fez enquanto estava aqui. Obrigado por ser um amigo. Você é amado. Você fará falta”.

Angela Bassett, atriz que interpretou a mãe de T’Challa no longa, publicou uma mensagem relembrando seu primeiro encontro com Boseman, antes mesmo de Pantera Negra:

Durante a festa de lançamento de Pantera Negra, Chadwick me lembrou de algo. Ele sussurrou que quando eu recebi o meu certificado honorário da Universidade de Howard, sua alma mater, ele foi o estudante escolhido para me acompanhar naquele dia. E ali estávamos, anos depois como colegas e amigos, desfrutando da noite mais gloriosa de todos os tempos! Passamos semanas preparando, trabalhando, sentando lado a lado todas as manhãs nas cadeiras dos maquiadores, nos preparando para o dia juntos como mãe e filho. Estou honrada de que pudemos ter essa experiência do ciclo completo.

Ela encerra o texto com a frase: “Tudo o que você possuía, Chadwick, você distribuía gratuitamente. Descanse agora, doce príncipe”.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Angela Bassett (@im.angelabassett) em

A atriz Brie Larson, Capitã Marvel do universo dos filmes, publicou uma foto com Boseman e um texto dizendo que o colega “radiava poder e paz”, que apoiava o elenco com “palavras encorajadoras” quando eles precisavam. Larson afirma estar honrada por ter as memórias que tem com o ator.

Zoe Saldana, que interpreta Gamora no MCU, lamentou a morte do colega no Twitter, questionando “sobre qual outro rei” contará para seus filhos Cy, Bowie e Zen agora que T’Challa se foi.

O ator Chris Pratt publicou uma mensagem nas redes sociais homenageando o colega, dizendo que “o mundo vai sentir falta de seu tremendo talento”.

Simu Liu, que interpretará Shang Chi no universo da Marvel, afirmou que seu personagem não existiria se não fosse pelo colega:

“Sem o Chadwick, e o que ele deu para o personagem dele, o Shang Chi não existiria. […] Gostaria de ter tido a oportunidade de dizer isso a ele pessoalmente – mas lutarei por ele sempre, meu Rei Eterno”.

Ryan Reynolds publicou uma mensagem curta em seu Twitter, dizendo que a morte de Boseman foi uma “perda brutal”.

Dwayne Johnson, o The Rock, agradeceu o colega por “brilhar sua luz e compartilhar seu talento com o mundo”. O ator John Boyega, que interpretou Finn em Star Wars, comentou estar de coração partido, usando emojis.

A atriz Viola Davis compartilhou uma foto do ator, dizendo estar honrada por ter trabalhado com ele: “sem palavras para expressar a devastação de te perder. Seu talento, seu espírito, seu coração, sua autenticidade…”.

Samuel L. Jackson publicou uma mensagem agradecendo a Boseman por “tudo o que nos deu”, afirmando que o colega era um ator e irmão “talentoso e generoso”.

O diretor Jordan Peele compartilhou uma curta mensagem, dizendo que a morte de Boseman “foi um golpe esmagador”. Taika Waititi, responsável pela direção de Thor: Ragnarok, falou em seu Twitter que a notícia foi devastadora.

A cineasta Ava DuVernay publicou uma cena de Pantera Negra com a legenda de “que você tenha um retorno lindo, Rei. Sentiremos sua falta”.

Rob Liefeld, criador do Deadpool, também compartilhou uma mensagem de despedida afirmando que Pantera Negra foi uma “conquista cultural”. O cineasta e comediante Kevin Smith relembrou que conheceu Boseman no dia em que Stan Lee colocou suas mãos e pegadas na frente do Chinese Theatre, em Hollywood.

O corredor de Formula 1 Lewis Hamilton conquistou a pole-position em Spa-Francorchamps no sábado (29), circuito da Bélgica da modalidade, e dedicou a vitória ao ator. Além de fazer a pose icônica de “Wakanda forever”, do filme Pantera Negra, é possível ouvi-lo dizendo “Essa é para Chadwick, descanse em paz” no áudio do vídeo abaixo.

Kevin Feige, chefe do Marvel Studios, deu uma declaração ao Variety:

A morte de Chadwick é absolutamente devastadora. Ele era nosso T’Challa, nosso Pantera Negra, e nosso amigo querido. Toda vez que ele pisava no set, ele radiava carisma e alegria, e toda vez que ele aparecia na tela, ele criava algo realmente inesquecível. Ele encarnava muitas pessoas maravilhosas em seu trabalho, e ninguém era melhor em trazer pessoas grandiosas à vida. Ele era tão esperto e bondoso e poderoso e forte quanto qualquer pessoa que ele interpretou. Agora ele se une a eles como um ícone por anos. A família do Marvel Studios sente muito sua perda, e estamos lamentando esta noite com a família dele.

A conta oficial da Marvel e do filme Pantera Negra compartilharam uma foto do ator caracterizado como T’Challa, com a legenda de que “seu legado viverá para sempre”.

A conta oficial da DC Comics no Twitter também publicou a imagem de Boseman, com a legenda de “Para um herói que transcendeu universos. Wakanda para sempre. Descanse em poder, Chadwick”.

A Netflix, responsável pelo filme Destacamento Blood, que conta com Boseman no elenco, publicou um trecho do longa com a legenda de “um herói em todos os sentidos”:

Internautas também relembraram e voltaram a compartilhar um vídeo em que o ator aparece surpreendendo fãs de Pantera Negra enquanto eles falam sobre como o filme é importante para eles:

A data da morte de Boseman também coincidiu com uma série de acontecimentos. 28 de agosto é a data de aniversário de Jack Kirby, que criou o personagem Pantera Negra juntamente com Stan Lee. Em 2020, o dia também marca o Jackie Robinson Day, uma homenagem ao primeiro jogador negro da liga de beisebol americana — sua história foi contada no filme 42, e Chadwick Boseman interpretou o jogador no longa.

28 de agosto também foi o dia em que Martin Luther King fez o seu famoso discurso de “Eu tenho um sonho”, em 1963, pedindo por direitos civis e econômicos e pelo fim do racismo nos EUA.

Boseman foi diagnosticado com câncer de cólon em 2016, e vinha lutando contra a doença desde então. As gravações de filmes aconteciam entre cirurgias e sessões de quimioterapia.

Mais notícias