Entenda as cenas pós-créditos da terceira temporada de Westworld

A série já foi renovada para a quarta temporada

Fernanda Talarico Publicado por Fernanda Talarico
Entenda as cenas pós-créditos da terceira temporada de Westworld

Westworld chegou ao final de sua terceira temporada no último domingo (3) e o seu quarto ano já foi anunciado pela HBO (saiba mais aqui).

Com uma nova leva de episódios confirmada, o último capítulo exibido, o “Crisis Theory”, não poderia deixar de ter um gancho para o próximo ano. Além de explicar algumas questões importantes – e deixar outras várias em aberto – o  episódio traz duas cenas pós-créditos que abriram o caminho para o que pode acontecer na vindoura temporada.

[ATENÇÃO: SPOILERS DA TERCEIRA TEMPORADA DE WESTWORLD]

A primeira cena mostrada traz William (Ed Harris) – também conhecido como Homem de Preto – na sede da Delos em Dubai. Lá, ele encontra a versão de Dolores que está no corpo de Charlotte Hale (Tessa Thompson), e ela está trabalhando para construir novos anfitriões e, de uma certa maneira, continuar com o plano de dominar o mundo dos humanos, mesmo com a Dolores “original” (Evan Rachel Wood) morta. Vale lembrar que uma das revelações do episódio final é justamente que este não era a ideia da anfitriã, mas sim dar uma chance para a humanidade mudar o seu destino e parar de seguir o que o Rehoboam e a Incite indicavam – apelando para o livre arbítrio.

William tenta matar a Dolores, mas uma cópia sua aparece no momento e os dois começam a lutar. A versão anfitrião do Homem de Preto parece ter sido desenvolvida com os dados exatos de William, pois ele consegue prever todos os seus movimentos, e consegue matá-lo.

Assim, a cena deixa indicado que a anfitriã se tornará a nova vilã da série. Ela se apegou à família de Hale, considerando dela própria, o que Dolores não conseguiu prever. Por isso, o trauma de ter perdido o marido e o filho a fez querer o fim da raça humana e tentará chegar ao seu objetivo com um exército de robôs que ela está desenvolvendo. Esses novos anfitriões podem estar sendo criados a partir dos dados dos visitantes dos parques da Delos, assim como foi feito o William, o que pode ser ainda mais difícil para os humanos em uma provável guerra, afinal tudo será previsto antes.

Já a segunda e última cena traz Bernard voltando de Além do Vale – o local para onde as consciências dos anfitriões vão ao final da segunda temporada. O personagem de Jeffrey Wright recebeu a chave do lugar Sublime pela própria Dolores, que confiou nele para mantê-lo seguro.

Ao final do episódio, Bernard explica a Stubbs (Luke Hemsworth) que o plano de Serac apenas adiaria o fim da humanidade, mas não o cancelaria. Então, ele vai para o Além do Vale para entender o que poderia acontecer depois do caos. Já na cena pós-créditos, Bernard reaparece acordando no mesmo quarto de hotel, mas cheio de pó, o que mostra uma grande passagem de tempo ou então que o lugar foi atingido e as paredes quase cederam. Ao abrir os olhos, o personagem parece saber exatamente qual a sua missão e que o seu tempo no Sublime o fez entender qual o objetivo a partir de agora.

As duas cenas podem deixar a entender que Bernard será antagonista à Charlotte no próximo ano, se juntando a Caleb e Maeve, que agora estão do mesmo lado. Caso aconteça uma grande guerra entre os humanos e as máquinas, será preciso desenvolver mais anfitriões que lutem pelos humanos, o que pode ser feito por Bernard. Vale também pontuar que a Dolores vivida por Evan Rachel Wood sempre foi o rosto principal da produção, então há grandes chances de que ela volte de alguma maneira.

Como se trata de Westworld, as especulações e teoria nem sempre são certeiras, portanto teremos que esperar para saber o que realmente acontecerá daqui para frente na narrativa. A quarta temporada ainda não tem previsão de estreia, então ainda há bastante tempo para desenvolver e pensar em diversas ideias até lá.

As três temporadas completas de Westworld estão disponíveis na HBO Go.

div-ad-vpaid-1
div-ad-sidebar-1
div-ad-sidebar-halfpage-1