Jovem Nerd - Notícias sobre filmes, séries, HQs, games, animes, ciência, tecnologia e humor, porque rir não faz mal a ninguém!

Warner está investigando alegações de abuso no set de Liga da Justiça, diz Ray Fisher

O caso teria acontecido durante as refilmagens comandadas por Joss Whedon

Marina Val Publicado por Marina Val
Warner está investigando alegações de abuso no set de Liga da Justiça, diz Ray Fisher

Em julho, Ray Fisher, ator que interpreta o Ciborgue em Liga da Justiça, denunciou publicamente o suposto comportamento abusivo e tóxico de Joss Whedon e outras pessoas no set das refilmagens (veja mais aqui).

Jon Berg, produtor-executivo do longa, negou as acusações (confira aqui), mas, ao que tudo indica, a Warner decidiu investigar o caso mais a fundo.

Hoje, em posts do Twitter, Fisher celebrou a decisão e elogiou a atitude da empresa:

Depois de 5 semanas de entrevistas com vários membros do elenco e da equipe, a Warner Media oficialmente iniciou uma investigação terceirizada independente para chegar ao cerne do ambiente de trabalho tóxico e abusivo criado durante as refilmagens de Liga da Justiça. Isso é um ENORME passo à frente!

Acredito que essa investigação vai mostrar que Geoff Johns, Joss Whedon, Jon Berg (e outros) abusaram do poder deles durante a incerteza da fusão da AT&T com a Time Warner. Obrigado Warner Media e AT&T por esse esforço para garantir um ambiente de trabalho mais seguro para todos!

O site The Hollywood Reporter confirmou a informação de que a Warner está investigando o caso, e os detalhes estão sendo mantidos em sigilo.

Whedon assumiu o projeto após a saída de Zack Snyder por questões pessoais.  O longa arrecadou US$ 657,9 milhões mundialmente e muitos fãs se uniram pedindo para que a versão de Snyder fosse lançada.

Após anos de campanha, o Snyder Cut será lançado diretamente na plataforma HBO Max em algum momento de 2021 .

Mais notícias