Treyarch estuda a possibilidade de cross-play em Call of Duty, diz Jay Puryear

Conversamos com o diretor de desenvolvimento de marca sobre o futuro da franquia, na BGS 2018

Jefferson Sato Publicado por Jefferson Sato
Treyarch estuda a possibilidade de cross-play em Call of Duty, diz Jay Puryear

A franquia Call of Duty acaba de ganhar um novo jogo, Black Ops 4, que trouxe algumas novidades para a franquia, como o fato de ser totalmente multiplayer e de apresentar o Blackout, o modo Battle Royale. Mas para onde a série vai a partir daqui? Na BGS 2018, conversamos sobre isso com Jay Puryear, diretor de desenvolvimento de marca da Treyarch.

A abordagem da desenvolvedora para o Battle Royale tem sido, em geral, bastante elogiada desde a fase beta. Isso normalmente significaria um novo modo padrão para os futuros jogos, Puryear acha que ainda é cedo para pensar assim, apesar do sucesso:

Acho difícil dizer [se o Blackout se tornará um modo padrão na franquia]. A recepção foi incrível, tanto da crítica da imprensa quanto do público. E graças aos jogadores, nós pudemos fazer muitas melhorias com a versão final, em relação ao que foi visto no beta.

É difícil falar de Battle Royale sem lembrar de Fortnite, um dos maiores títulos do gênero, que também está ajudando a estabelecer o cross-play, ou seja, a possibilidade de jogar com pessoas de outras plataformas. Naturalmente, a Treyarch está analisando as possibilidades da ferramenta, embora ainda não possa adiantar nada:

Ainda não estamos falando sobre nossos planos para cross-play. Estamos obviamente olhando para este mercado, de modo geral. Então, para nós, é algo que estamos investigando, mas não estamos falando disso ainda.

Com um jogo completamente focado nos modos multiplayer, também é difícil não falar da toxicidade da comunidade. Ao longo dos anos, a franquia frequentemente esteve atrelada ao assunto, mas Puryear acredita que a maneira como Black Ops 4 foi feito pode ajudar a diminuir isso:

Temos a sorte de ter uma comunidade tão apaixonada e que se importa com o que fazemos. Acho que a oportunidade que tivemos neste ano, de fazer algo para todo mundo, vai eventualmente ajudar na questão da toxicidade. Se você sentir a necessidade, há outras opções de multiplayer para jogar com seus amigos. E quando você joga com os amigos, acho que é difícil ficar bravo. (Risos)

Call of Duty: Black Ops 4 está disponível para PC, Xbox One e PlayStation 4. Em sua primeira semana, o jogo quebrou o recorde de vendas digitais da Activision.