Tipo raro de buraco negro é descoberto por astrônomos

Fenômeno aconteceu pela fusão de outros dois buracos negros

Fernanda Talarico Publicado por Fernanda Talarico
Tipo raro de buraco negro é descoberto por astrônomos Créditos: OzGrav/The Verge

Cientistas dos Estados Unidos detectaram pela primeira vez um tipo de buraco negro intermediário, com 142 vezes a massa do sol.

Segundo informações do The Verge, os astrônomos foram capazes de detectar o momento em que dois buracos negros se fundiram, dando origem uma nova massa intermediária. Por meio de simulações matemáticas, eles estudaram as ondas gravitacionais que foram emitidas e, assim, reproduziram este fenômeno, batizado de GW190521.

A aproximação dos dois buracos negro é o resultado da atração de seus campos gravitacionais. Eles se movem em movimentos de espiral até finalmente colidirem e formarem um novo buraco negro.

Este evento acabou liberando uma alta quantidade de energia que conseguiu chegar a diferentes locais do Universo.

O fenômeno GW190521 chama a atenção pois, até então, eram conhecidas apenas duas categorias de buracos negros: os que apresentam massa estelar de até dezenas de massas solares, e os chamados de supermassivos, com centenas de milhares a bilhões de vezes a massa do Sol. Agora, astrônomos acreditam terem descoberto mais um categoria, a de massa intermediária.