The Flash não será “apenas um filme de super-heróis”, diz o diretor de fotografia

Henry Braham celebrou a oportunidade de trabalhar com Michael Keaton e elogiou complexidade do filme

Gabriel Avila Publicado por Gabriel Avila
The Flash não será “apenas um filme de super-heróis”, diz o diretor de fotografia

The Flash é um dos filmes da DC mais esperados pelo público. Isso porque a aventura solo do Velocista Escarlate promete abrir o multiverso da editora e visitar universos muito queridos pelos fãs.

Essa empolgação é compartilhada por Henry Braham, diretor de fotografia do filme. Conhecido por seu trabalho em O Esquadrão Suicida e Guardiões da Galáxia vol. 2, ele elogiou a complexidade do filme de Andy Muschietti em entrevista ao Collider:

“[The Flash está] indo muito bem. Quer dizer, é um filme complexo e tem um conceito fantástico de unir gerações das histórias em quadrinhos. De novo, não é realmente um filme de quadrinhos. Não é baseado na realidade, mas é muito mais complexo tecnicamente — acho que todos os cineastas estão muito focados em não deixar a complexidade técnica da narrativa atrapalhe a produção de um filme de boa qualidade.”

Braham explicou que o equilíbrio entre a complexidade e a emoção é o que torna The Flash especial. Segundo ele, esse é o segredo para que o filme se destaque no gênero de heróis:

“Com sorte, acho que não vai ser apenas um filme de super-heróis. Vai ser um filme que é o que é. Acho que esse é o jeito que as coisas precisam ser. Precisamos fazer ótimos, ótimos, ótimos filmes que calhem de ter super-heróis super-heróis que têm personagens verdadeiros por trás, com todas as falhas que encontramos na humanidade.”

Por fim, Henry Braham também celebrou a oportunidade de trabalhar com o elenco do filme, em especial Michael Keaton. Conhecido por viver o Batman nos filmes de Tim Burton, o astro voltará ao papel no novo longa da DC:

“É um prazer trabalhar com o elenco, eles são fantásticos. Michael, é claro, é um gênio, e é maravilhoso vê-lo recriar esse papel nos dias atuais. É maravilhoso. Acho que o filme tem esse escopo sólido, e tenho muita sorte de trabalhar em longas que gostaria de ver. Não estou interessado em filmes de HQs, estou interessado em filmes que me levem para uma jornada emocional e visual.”

O filme solo do velocista deve se inspirar na HQ Ponto de Ignição, em que Allen volta ao passado para salvar sua mãe, mas causa uma bagunça temporal no universo DC. Ezra Miller volta ao papel principal e o elenco terá ainda Michael Keaton como uma versão mais velha de Bruce Wayne, Kiersey Clemons como Iris West e Sasha Calle como a Supergirl dos cinemas.

O lançamento está marcado para 4 de novembro de 2022.

Mais notícias