Review | SuperHot: o jogo que a série Matrix gostaria de ter

Com uma mecânica e gráficos simples, mas muito bem feitos, o jogo é uma delícia de jogar e faz você se sentir o próprio Neo.

Mauricio Faccio Publicado por Mauricio Faccio
Review | SuperHot: o jogo que a série Matrix gostaria de ter

Sim nerds, joguei SuperHot e a impressão que fica é clara: Esse era o jogo que Matrix merecia.

Com uma mecânica e gráficos simples, mas muito bem feitos, o jogo é uma delícia de jogar e faz você se sentir o próprio Neo.  O game é todo em “câmera lenta”, o famoso bullet time, o tempo só progride quando você se move. Isso permite ao jogador fazer movimentos verdadeiramente cinematográficos, pegado armas no ar, cortando balas com uma espada e até desviar de tiros certeiros.

Muitas horas de gameplay serão gastas em SuperHot, confira o review completo no vídeo abaixo:

Mais notícias