Steve Carell não queria sair de The Office, revela livro sobre a série

O ator tentou renovar o contrato com a NBC

Fernanda Talarico Publicado por Fernanda Talarico
Steve Carell não queria sair de The Office, revela livro sobre a série

Um dos personagens mais marcantes de The Office é Michael Scott, vivido por Steve Carell. Mas, ao final da sétima temporada, o ator saiu da produção, para a tristeza dos fãs. Desde então, sempre se especulou que ele teria deixado a sitcom por vontade própria. Porém, o livro The Office: The Untold Story of the Greatest Sitcom of the 2000s (“The Office: A História Não Contada da Maior Sitcom dos anos 2000”, em tradução livre), escrita por Andy Greene, revelou que a verdade é um pouco diferente. As informações são da Collider.

A publicação explica que o problema se derivou de quando a NBC – emissora responsável por The Office – trocou de presidente. Segundo Randy Cordray, um dos produtores da série, o CEO da empresa de TV, Bob Greenblatt, não deu a devida atenção à sitcom e não renovou o contrato de Steve Carell.

Na época, o ator foi a um programa de rádio e revelou que não sabia se continuaria na produção, afinal ele tinha negociado apenas sete anos, que precisariam ser renovados. A informação foi dada por Brian Wittle, membro da equipe da série.

Eu sentei com ele [Steve Carell] um dia e ele me contou a história. Ele estava em uma entrevista de rádio e mencionou ao acaso que aquela poderia ser a sua última temporada. Ele não queria dizer isso em voz alta, porque nada tinha sido decidido ainda. […] Então, o que ele disse foi que as pessoas ligadas à série não reagiram. Eles não ligaram e disseram: ‘Como assim? Você quer ir embora?’. […] Quando ele percebeu que não recebia nenhum tipo de resposta deles, ele pensou: ‘Ah, talvez eles realmente não se importem se eu for embora. Talvez eu deva fazer outras coisas.’ […] Ele considerou que as pessoas encarregadas de mantê-lo lá não se esforçaram muito para conseguir.

De acordo com informações da cabeleireira de The Office, Kim Ferry, Carell até tentou falar do contrato, mas acabou sendo deixado de lado pela diretoria da NBC.

Ele não queria sair da série. Ele falou com a emissora que ele iria assinar por mais dois anos. Ele estava querendo, e seu agente queria também. Mas, por alguma razão, eles não contataram ele. Eu não se foi uma jogada ou o que… Ele planejava ficar na série. Falou com o seu empresário, que falou com a empresa e falou que [o ator] assinaria o contrato por mais alguns anos. […] A data limite de quando eles tinham que fazer uma oferta a ele chegou e passou, e não fizeram nada. O agente dele falou: ‘Bom, eu acho que eles não querem renovar com você, por alguma razão’. […]

The Office foi transmitida de 2005 a 2013, e era uma série pseudo documental que narrava os dias pouco convencionais dos funcionários de um escritório maluco de uma empresa de papéis.

A série está disponível na Amazon Prime Video e na Globoplay.