Quatro Vidas de um Cachorro | Investigação conclui que vídeo de maus-tratos foi forjado

American Humane Society conduziu inquérito

Cesar Gaglioni Publicado por Cesar Gaglioni
Quatro Vidas de um Cachorro | Investigação conclui que vídeo de maus-tratos foi forjado

No começo de janeiro, o TMZ publicou um vídeo que mostrava um cachorro sendo maltratado no set de  Quatro Vidas de Um Cachorro. A filmagem foi amplamente divulgada e altamente criticada por pessoas e instituições ao redor do mundo. A The American Humane Society decidiu conduzir uma investigação sobre as alegações e concluiu que o vídeo foi “propositalmente editado para enfurecer a opinião pública”.

De acordo com o inquérito, Hercules, o pastor alemão mostrado no vídeo, não sofreu nenhum tipo de abuso, embora tenha passado por algumas situações de estresse durante as gravações. A investigação foi liderada por um especialista (o nome do mesmo não foi divulgado) e apontou que as medidas de precaução necessárias foram tomadas e que o cão está saudável.

O relatório final diz que Hercules poderia ter sido manuseado com mais gentileza e que os treinadores poderiam ter notado o estresse do animal, mas que nenhum mal foi infligido nele. A American Humane Society também apontou que as filmagens foram mantidas em segredo por quinze meses e foram lançadas a poucos dias da estreia do filme, levantando o questionamento de que essas foram espalhadas apenas com o intuito de prejudicar a produção.

A trama adapta o livro de mesmo nome, que mostra um cachorro (dublado por Bradley Cooper) voltando à Terra em quatro encarnações diferentes. O filme estreou em  26 de janeiro no Brasil.

Mais notícias