Produtora de 007 diz que James Bond jamais poderia ser uma mulher

"Não estou interessada em colocar uma mulher em um papel masculino"

Tayná Garcia Publicado por Tayná Garcia
Produtora de 007 diz que James Bond jamais poderia ser uma mulher

Daniel Craig já deixou bem claro que está prestes a “se aposentar” de 007, o que fez os fãs começarem a debater sobre quem deveria ser o próximo James Bond.

Muitos nomes foram citados, desde Idris Elba até Gillian Anderson, mas parece que a produtora da franquia, Barbara Broccoli, acabou de estabelecer alguns limites.

Em entrevista para a Variety, Broccoli explicou que o personagem poderá ser de qualquer raça, mas nunca será uma mulher.

Ele pode ser de qualquer raça, mas ele é um homem. Eu acredito que devemos criar novas personagens para as mulheres — personagens fortes femininas. Pessoalmente, eu não estou interessada em colocar uma mulher em um papel masculino. Eu acredito que as mulheres são muito mais interessantes do que isso.

No longa, o agente com permissão para matar deixou o serviço ativo e está desfrutando de uma vida tranquila na Jamaica. Sua paz dura pouco quando seu velho amigo Felix Leiter (Jeffrey Wright), da CIA, aparece pedindo ajuda. A missão é resgatar um cientista raptado, mas acaba sendo muito mais traiçoeira do que o esperado, levando Bond para o rastro de um misterioso vilão armado com uma nova tecnologia perigosa.

Com direção de Cary Fukunaga (True Detective) e roteiro de Neal Purvis, Robert Wade, Phoebe Waller-Bridge (Fleabag) e Scott Z. Burns, No Time To Die traz Daniel Craig como 007 mais uma vez. Ele também protagonizou Casino RoyaleQuantum of Solace, Skyfall e Spectre.

007 – Sem Tempo Para Morrer estreia no Brasil em 9 de abril de 2020.

Encontrou algum erro na matéria? Avise-nos

Creative Commons