Will Smith foi convidado a se retirar do Oscar após tapa em Chris Rock, mas se recusou

Academia de Artes e Ciências Cinematográficas deu mais detalhes sobre os bastidores e o que deve acontecer agora

Camila Sousa Publicado por Camila Sousa
Will Smith foi convidado a se retirar do Oscar após tapa em Chris Rock, mas se recusou

Alguns dias após o incidente no Oscar 2022, a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas divulgou detalhes de bastidores e o que deve acontecer agora.

Segundo uma declaração oficial da organização (via Variety), Will Smith foi convidado a se retirar após dar um tapa em Chris Rock no palco do evento. No entanto, o ator de King Richard se recusou a ir embora.

Ainda no comunicado, a Academia afirma que “poderia ter lidado com a situação de forma diferente” e diz que haverá uma votação em 18 de abril para decidir quais medidas disciplinares serão tomadas em relação a Smith, que podem incluir suspensão ou expulsão da Academia e outras sanções. Confira o comunicado abaixo:

O Conselho de Governadores iniciou hoje (30) um processo disciplinar contra o Sr. Smith, por violar os Padrões de Conduta da Academia, incluindo contato físico inapropriado, comportamento abusivo ou ameaçador e comprometimento da integridade da Academia.

De acordo com os Padrões de Conduta, e com a lei da Califórnia, o Sr. Smith está sendo notificado com 15 dias de antecedência sobre uma votação em relação às violações e sanções, e terá a oportunidade de ser ouvido com antecedência por meio de uma resposta por escrito. Na próxima reunião do conselho, em 18 de abril, a Academia poderá tomar alguma ação disciplinar, que pode incluir suspensão, expulsão ou outras sanções permitidas pelo Estatuto de Padrões de Conduta.

As ações do Sr. Smith na 94ª edição do Oscar foram um evento profundamente chocante e traumático para testemunhar ao vivo, ou pela televisão. Sr. Rock, pedimos desculpas pelo que você vivenciou em nosso palco e agradecemos por sua resiliência naquele momento. Também nos desculpamos com nossos indicados, convidados e espectadores pelo que aconteceu em um momento que deveria ser de celebração.

As coisas se desenrolaram de uma maneira que não poderíamos ter previsto. Enquanto gostaríamos de esclarecer que o Sr. Smith foi convidado a se retirar da cerimônia e se recusou, também reconhecemos que poderíamos ter lidado com a situação de forma diferente.

Na noite de domingo (27), Rock subiu ao palco para apresentar um dos prêmios e fez uma “piada” com Jada Pinkett Smith, esposa de Will Smith. O comediante afirmou que ela poderia fazer a nova versão de G.I. Jane, filme em que Demi Moore interpreta uma personagem careca.

Após a frase, Will Smith subiu ao palco e deu um tapa em Rock, que continuou a apresentação do prêmio. Quando ganhou a estatueta de Melhor Ator, Smith falou sobre “defender a família” e se desculpou com a Academia, brincando que esperava ser convidado novamente em 2023.

Durante a segunda-feira (28), a Academia se manifestou em duas oportunidades. Na primeira, fez um breve comunicado no Twitter afirmando que não “tolera violência de nenhuma forma”. Mais tarde, a organização divulgou um comunicado maior, afirmando que fará uma investigação formal do incidente, para tomar as medidas cabíveis.

Já Smith também divulgou um comunicado nas redes sociais se desculpando com Chris Rock e afirmando que “estava errado”.

Vale lembrar que Jada Pinkett Smith tem alopecia, uma condição que causa a queda capilar e é o motivo pelo qual a atriz, hoje em dia, aparece de cabeça raspada.

div-ad-vpaid-1
div-ad-sidebar-1
div-ad-sidebar-halfpage-1