O que esperar da segunda temporada de Loki

Primeiro ano da série da Marvel no Disney+ chegou ao fim nesta quarta-feira (14)

Gabriel Avila Publicado por Gabriel Avila
O que esperar da segunda temporada de Loki

A série do Loki encerrou sua primeira temporada com uma grande surpresa. Após os créditos do capítulo, é revelado que a produção vai ganhar seu segundo ano no Disney+. O anúncio veio em boa hora, já que a história deixa vários ganchos para o futuro.

Confira abaixo os caminhos que a série da Marvel pode tomar na próxima temporada.

[Atenção! A partir de agora, spoilers da primeira temporada de Loki]

Loki agente da AVT

Tom Hiddleston em Loki (Divulgação/Marvel)
Loki pode unir forças à AVT

Ao conhecer Aquele Que Permanece e descobrir a verdade sobre a AVT, Loki hesita em matar o comandante da organização. Isso por medo de que sua morte realmente cause quebras na Linha do Tempo Sagrada e atraia variantes malignas que ameacem o multiverso. Como Sylvie o mata, o pior acontece e Laufeyson termina a temporada no prédio da organização junto a Mobius e a Caçadora B-15, que não se lembram quem ele é.

Longe de Sylvie, é possível que a trajetória de Loki no próximo ano seja focada em restabelecer a AVT. Consciente dos perigos de uma linha do tempo descontrolada, é possível que o Deus da Trapaça una forças com aqueles que desejava destruir para trazer ordem ao multiverso.

O futuro de Sylvie

Sylvie passou sua vida inteira dedicada ao plano de se vingar da AVT, organização que a tirou de Asgard ainda criança. Por culpar a agência por sua vida solitária, em que foi necessário se esconder em apocalipses por muitos anos, ela mata seu criador e conclui o projeto de acabar com a instituição.

Agora que concluiu o destino que traçou para si ainda na infância, o que resta a Sylvie? Um caminho de possibilidades se abre para a jovem, que pode finalmente procurar um lar para voltar, ou usar seus dons para comandar algum país — ou quem sabe até um planeta. Outra opção é que ela volte para a AVT a fim de ajudar Loki a salvar o multiverso, especialmente caso perceba que Aquele Que Permanece falava a verdade, e realmente há seres ainda piores a caminho.

A chegada de Kang

A aparição d’Aquele Que Permanece é um enorme indício da chegada de Kang, o Conquistador, ao MCU. Grande vilão dos quadrinhos, ele deve ser apresentado como uma das variantes malignas do personagem de Jonathan Majors — especialmente graças à estátua em sua homenagem na AVT, muito similar ao visual clássico das HQs.

Kang atualmente está confirmado apenas em Homem-Formiga e a Vespa: Quantumania. Considerando que foi justamente Scott Lang quem apresentou o conceito de viagem no tempo aos Vingadores, faz sentido que o vilão vá atrás dele. Porém, nada impede que Kang ou alguma de suas variáveis retorne a Loki. Especialmente porque a estátua que decora a AVT indica que agora a organização tem ligações ainda mais profundas com ele.

O paradeiro da juíza Renslayer

Em sua última aparição na série, a juíza Ravonna Renslayer passa por um portal rumo a um destino desconhecido. Em sua despedida, ela diz a Mobius que vai em busca do livre-arbítrio, indicando que se rebelou do controle absoluto proposto pela AVT. Levando em conta que ela não aparece na Cidadela no Fim dos Tempos, onde Loki e Sylvie encontram Aquele Que Permanece, seu paradeiro segue um grande mistério.

Teria ela voltado para sua antiga vida, buscado um caminho diferente ou mergulhado de cabeça na investigação sobre as leis que controlam o multiverso? Muitas perguntas que se tornam ainda mais inquietantes se levarmos em conta que nas HQs a personagem tem ligação direta com Kang, o Conquistador.

O retorno das variantes

Um dos pontos altos da primeira temporada de Loki foi a apresentação das variantes do personagem. Além de Sylvie, que divide o protagonismo com o Deus da Trapaça, conhecemos ainda os Lokis Clássico, Kid, Orgulhoso, Presidente e até o inesperado Jacaré.

Até onde sabemos, muitos deles ainda estão vivos, vagando pelo vazio. Com a morte d’Aquele Que Permanece, é possível que eles tenham a chance de escapar do local para viver suas vidas como bem quiserem. Levando em consideração o sucesso que fizeram com o público, seus retornos seriam mais do que bem-vindos — inclusive do Loki Clássico, que revelou já ter escapado das garras da morte antes.

Mobius e seu jet-ski

No início da temporada, descobrimos que Mobius M. Mobius é fissurado por jet skis. Impossibilitado de pilotar o veículo por conta de seu trabalho na AVT, ele lê revistas e espalha imagens deles por todo o seu escritório, na esperança de um dia ter a chance de colocar suas mãos em um.

Como a primeira temporada chegou ao fim sem este momento de realização, é muito possível que o personagem alcance seu sonho no próximo ano. Afinal de contas, se conseguir restabelecer a Linha do Tempo e salvar o multiverso, ele merece uma comemoração digna.

Ligação com próximos filmes

Loki estar relacionado a Homem-Formiga 3 não é coincidência, especialmente porque a série também está conectada a Doutor Estranho 2. O filme vai mostrar o Mago Supremo investigando o multiverso, cujas portas foram abertas justamente na série do Deus da Trapaça.

Ainda não se sabe quando a segunda temporada de Loki vai chegar ao Disney+. Porém, é muito possível que ela marque o ponto de encontro entre vários outros projetos, assim como seu primeiro ano. Considerando que Homem-Aranha 3 também vai abordar multiverso, e que há uma série de produções a seguir, o Deus da Trapaça pode se tornar o local onde essas histórias se encontram.

Mais notícias