Novo filme de Miyazaki demorará mais três anos, revela produtor do Studio Ghibli

Um minuto de How Do You Live? demora um mês para ser criado

Fernanda Talarico Publicado por Fernanda Talarico
Novo filme de Miyazaki demorará mais três anos, revela produtor do Studio Ghibli

How Do You Live?, o filme que marcará a volta de Hayao Miyazaki de sua aposentadoria, ainda pode demorar anos para ser lançado. Anunciada em 2016, a animação do Studio Ghibli deve levar, pelo menos, mais três anos para ser concluída.

Em entrevista concedida à Entertainment Weekly, o produtor e gerente geral do Ghibli, Toshio Suzuki falou sobre a nova produção do colega – já conversamos com Suzuki para falar do Studio Ghibli, relembre aqui. Segundo ele, a pandemia de coronavírus não atrasou o desenvolvimento do longa que, mesmo assim, demorará um bom tempo para ser lançado.

“Ainda estamos desenhando tudo à mão, mas leva mais tempo para concluir o filme porque estamos desenhando mais quadros”, explicou o produtor. Ele também deu detalhes do demorado processo de produção, o que explica o porquê de tanto tempo para finalizar a animação.

Portanto, há mais desenhos para fazer do que antes. Quando estávamos fazendo Meu Amigo Totoro, tínhamos apenas oito animadores. Totoro fizemos em oito meses. [Para] o filme no qual Miyazaki está trabalhando, temos 60 animadores, mas só conseguimos criar um minuto de animação em um mês. Isso significa que, 12 meses por ano, você consegue 12 minutos do filme. Na verdade, estamos trabalhando neste filme há três anos, o que significa que temos 36 minutos completos até agora. Esperamos que ele termine nos próximos três anos.

Suzuki revelou que How Do You Live? conta uma “grande história fantástica”, nos moldes já conhecidos de Miyazaki. O filme é uma adaptação da história escrita em 1937 por Yoshino Genzaburo, sobre um garoto que atinge a sua maioridade enquanto mora com o tio após a morte de seu pai.

A aposentadoria do diretor foi anunciada logo depois da estreia de Vidas ao Vento, em 2013, mas voltou atrás para desenvolver mais um projeto que ele pudesse dedicar ao seu neto.

Suzuki revelou que, por acreditar que Miyazaki tem uma filmografia perfeita, o cineasta nem precisava desenvolver uma nova animação.

Muitos diretores fazem vários filmes ao longo de suas carreiras ao envelhecerem. Quando Miyazaki voltou e disse que queria fazer um longa novamente, eu realmente disse que essa não era uma boa ideia, porque ele já fez muito. Você não pode voltar e fazer algo que você já fez no passado, você precisa fazer algo diferente. Então, as ideias que surgiram [para o novo filme] foram: por que não gastar mais tempo e gastar mais dinheiro [para fazer um filme]? Essas são algumas das novas abordagens.

Vinte e um filmes do estúdio estão disponíveis na Netflix. Confira aqui a lista completa, e nossas sugestões para começar a desbravar esse catálogo (veja aqui).