Nova espécie de sapo neon venenoso é descoberta no Brasil

Espécie tem ossos que brilham na luz UV e não consegue ouvir seu próprio chamado de acasalamento

Priscila Ganiko Publicado por Priscila Ganiko
Nova espécie de sapo neon venenoso é descoberta no Brasil Fonte: Revista PLOS

Uma nova espécie de sapo venenoso foi descoberta no Brasil e ela é cheia de particularidades, como ossos que brilham sob a luz UV e um grito que ele mesmo é incapaz de ouvir.

Antes da avaliação que o qualificou como uma nova espécie, pensava-se que o sapinho fazia parte da Brachycephalus ephippium. Após analisar sua morfologia interna, externa e genética, ficou claro que o animal podia ser qualificado como algo diferente. As descobertas foram relatadas por Ivan Nunes, zoologista da UNESP, em um relatório publicado na revista PLOS One em 28 de abril.

Batizado de Brachycephalus rotenbergae, em homenagem a Elsie Laura Klabin Rotenberg, fundadora da organização não-governamental Projeto Dacnis, que ajudou na pesquisa, o animal apresenta coloração laranja neon e mede cerca de 2,5 cm.

Algumas características que a nova espécie compartilha com seus colegas sapos-abóbora são ossos que brilham com luz ultravioleta. Os pesquisadores ainda não encontraram uma razão para que isso aconteça.

Fonte: PLOS

Outra particularidade destes sapos é seu grito de acasalamento: por conta de seu tamanho, acredita-se que eles perderam a habilidade de ouvir barulhos muito agudos, ou seja, que não conseguem ouvir seus parceiros em potencial chamando. Mesmo assim, novos sapinhos continuam nascendo.

Com informações do Gizmodo.

Mais notícias