Neil Innes, colaborador do Monty Python, morre aos 75 anos

Conhecido como "o Sétimo Python", o inglês participou dos filmes Monty Python em Busca do Cálice Sagrado e A Vida de Brian

Fernanda Talarico Publicado por Fernanda Talarico
Neil Innes, colaborador do Monty Python, morre aos 75 anos

Neil Innes, músico, comediante, escritor e colaborador recorrente do Monty Python, morreu no último domingo (29), aos 75 anos. As informações são do Deadline.

Ele era chamado como “o Sétimo Phyton” por ter participado dos filmes e séries do grupo de comédia britânico durante os anos 1970 e criou algumas músicas usadas em esquetes. Innes apareceu em produções como Monty Python em Busca do Cálice Sagrado e A Vida de Brian.

Innes também era conhecido por ter trabalhado com as bandas Bonzo Dog Doo-Dah e The Rutles, com paródias das músicas dos Beatles.

O anúncio de sua morte foi feito em seu site oficial. “É com profunda tristeza que anunciamos a morte de Neil Innes no dia 29 de dezembro. Perdemos uma alma bonita e gentil, cuja música e canções tocaram o coração e cujo intelecto e busca pela verdade nos inspiraram a todos. Ele morreu de causas naturais rapidamente, sem aviso prévio e, imaginamos, sem dor”, diz o comunicado.

Neil Innes nasceu em Essex, no Reino Unido, mas foi criado na Alemanha. Ele deixa a esposa, três filhos e três netos.