“Eu era apenas uma atriz contratada, não era o diretor”, diz Halle Berry sobre Mulher-Gato

Atriz relembrou o papel em entrevista

Fernanda Talarico Publicado por Fernanda Talarico

Halle Berry tem uma carreira de sucesso, mas também passou por maus momentos, por exemplo quando a atriz protagonizou Mulher-Gato, filme de 2003 baseado na famosa personagem dos quadrinhos do Batman. Ela foi indicada ao Framboesa de Ouro de Pior Filme e o título é, até hoje, relembrado como um dos piores já feitos.

Berry relembrou o papel durante uma entrevista concedida à Variety e disse que foi justamente o fato de ter feito o filme que a incentivou a se tornar cineasta. Ela tinha acabado de vencer o Oscar de Melhor Atriz por A Última Ceia, e muitos acreditavam que Mulher-Gato afundaria a sua carreira.

As pessoas me diziam: ‘Você não pode fazer isso. Você acabou de ganhar o Oscar ‘. Porque eu não fiz Jinx [um filme derivado do personagem vivido por Berry em 007 – Um Novo Dia Para Morrer], pensei:‘ Esta é uma grande chance para uma mulher negra ser uma super-heroína. Por que eu não tentaria isso?.

Ela lembrou que ao desenrolar do filme, percebeu que não estava gostando da história que estava sendo contada.

Lembro de ter questionado: “Por que a Mulher-Gato não pode salvar o mundo como o Batman e o Superman fazem? Por que ela está apenas salvando as mulheres de um creme facial que quebra seu rosto?’. Mas eu era apenas uma atriz contratada, não era o diretor. Eu tinha poder sobre isso.

A anti-heroína vai ganhar uma nova versão em Batman, filme que será lançado em 2021, e será interpretada por Zoe Kravitz, que já foi elogiada por Halle Berry – relembre aqui.