Mighty No. 9 | Reclamações e declarações estranhas marcam lançamento do jogo

Jogadores que apoiaram a campanha no Kickstarter falam que não receberam o game

Bruno Izidro Publicado por Bruno Izidro
Mighty No. 9 | Reclamações e declarações estranhas marcam lançamento do jogo

Depois de alguns adiamentos, Mighty No. 9 foi lançado nesta terça-feira (21). O jogo é visto como um sucessor espiritual de Mega Man – já que Keiji Inafune, um dos designers originais do robô azul, está encabeçando o projeto. O lançamento, porém, está sendo marcado por reclamações de jogadores e declarações um tanto quanto estranhas dos desenvolvedores.

Mighty No. 9 foi um grande sucesso no Kickstarter, quando arrecadou mais de US$ 3,8 milhões, em 2013. O problema é que, agora, muitos apoiadores estão reclamando na página da campanha que ainda não receberam o código do jogo ou que eles não estão funcionando.

Fora que muitos itens prometidos para quem apoiasse, como edições físicas do jogo, também ainda não foram entregues.

Pra deixar tudo mais esquisito, Keiji Inafune e o seu estúdio Comcept realizaram um streaming para comemorar o lançamento do jogo e nele o desenvolvedor, por meio de um tradutor, deu algumas declarações estranhas, como essa:

No final das contas, mesmo que [Mighty No. 9] não seja perfeito, é melhor do que nada“.

Isso já gerou diversos memes e até mesmo o perfil oficial do Sonic no Twitter deu uma alfinetada no jogo.

Fora tudo isso, o game está recebendo críticas bem mornas. Mighty No. 9 está disponível para PS3, PS4, Xbox One, Wii U e PC.

Atualização: a versão de Xbox 360 foi adiada em “alguns dias” por causa de um bug, segundo a Comcept. O jogo também chegará para PS Vita e 3DS, mas sem data definida.