Jerry Bruckheimer considerando sequencia de Top Gun

Top Gun – Ases Indomáveis foi uma verdadeira febre nos Estados Unidos na segunda metade da década de 80, inclusive aumentando os números de alistamento na Marinha norte-americana. Depois de anos e anos especulando um segundo filme – que foi comentado por Hollywood recentemente em 2008 —  Jerry Bruckheimer rompe o silencio e diz que […]

Jerry Bruckheimer considerando sequencia de Top Gun

Top Gun – Ases Indomáveis foi uma verdadeira febre nos Estados Unidos na segunda metade da década de 80, inclusive aumentando os números de alistamento na Marinha norte-americana. Depois de anos e anos especulando um segundo filme – que foi comentado por Hollywood recentemente em 2008 —  Jerry Bruckheimer rompe o silencio e diz que cogita uma sequencia.

A premissa seria Pete Mitchell, mais conhecido como Maverick, sendo um instrutor da escola de combate aéreo tendo de lidar com uma jovem piloto arrogante de temperamento explosivo, como a personagem de Cruise no primeiro filme.

O produtor Bruckheimer disse:

“Nós tentamos desenvolver uma [sequencia] e não pudemos fazê-lo. Então, Tom [Cruise] assumiu as rédeas e tentou desenvolver algo e nunca aconteceu. Recentemente começamos a conversar de novo, mas você sabe, nada ainda.”

“Nós buscamos algumas ideias porque a comunidade da aviação mudou completamente desde que fizemos o filme há muiro tempo. Portanto, nós devemos achar um meio e uma forma de incorporar Maverick nessa história.”

Um dos motivos alegados por não haver uma continuação, que pode ser visto na edição especial de colecionador do DVD, é que todas as cenas de combate aéreo foram usadas no primeiro filme, não restando mais nada que pudesse ser usada para uma sequencia.

É esperar para ver, como sempre.

Via WorstPreviews


Efraim Fernandes
Apesar de clássico da Sessão da Tarde, Efraim Fernandes não recomenda Top Gun para menores de idade facilmente influenciáveis. A cena do volleyball na praia é auto explicativa.

.

Mais notícias