Jovem Nerd - Notícias sobre filmes, séries, HQs, games, animes, ciência, tecnologia e humor, porque rir não faz mal a ninguém!

Apesar de pedidos, James Gunn não deve ser recontratado pela Disney

Informação é da Variety

Cesar Gaglioni Publicado por Cesar Gaglioni
Apesar de pedidos, James Gunn não deve ser recontratado pela Disney

Apesar de rumores e da carta aberta do elenco de Guardiões da Galáxia pedindo a recontratação de James Gunn, o diretor não deve voltar ao posto. A informação é da Variety.

De acordo com a reportagem, que consultou uma fonte interna do estúdio, o alto escalão da empresa não deve acatar aos pedidos dos atores e de muitos fãs na internet. Segundo o texto, a Disney tem uma visão diferente na madeira de lidar com situações como a de James Gunn, explicando que, de alguns meses para cá, o padrão se tornou de tolerância zero.

Sobre o futuro da franquia, a fonte disse que a Disney não está com pressa para encontrar um substituto para Gunn, e quer esperar que algum diretor conhecido tenha interesse em assumir Guardiões da Galáxia vol. 3, que, até o momento, tem estreia prevista para 2020.

A controvérsia envolvendo Gunn começou após dez mil tweets antigos do cineasta serem revividos — na maioria deles, o diretor fazia piadas a temas como estupro, pedofilia e AIDS.

A recente demissão de James Gunn da Disney, por causa de tweets antigos do cineasta, está dando o que falar e dividindo os fãs da franquia Guardiões da Galáxia. Muitos dão razão à decisão da Disney de cortar relações após as postagens ofensivas, mas outros defendem que a demissão deveria ser repensada porque os tweets foram escritos há uma década.

A revolta dos atores vem ao descobrir que foram membros da extrema-direita (os chamados Alt-Right), que foram caçar tweets antigos e ofensivos do diretor. De acordo com o Deadline e com a Fox News, estes membros queriam desbancar Gunn por ele ser um crítico ferrenho do governo Trump.

Um grupo de fãs que está a favor de Gunn criou uma petição no Change.org para o diretor ser recontratado e assumir o terceiro longa dos Guardiões.

Até o momento, não sabemos se o roteiro escrito por James Gunn será usado em Guardiões da Galáxia vol. 3.

Mais notícias