Infinity Ward anuncia novas medidas para combater racismo no Call of Duty: Modern Warfare

Jogo será menos tolerante com atos tóxicos e aumentará o tempo de banimento

Tayná Garcia Publicado por Tayná Garcia
Infinity Ward anuncia novas medidas para combater racismo no Call of Duty: Modern Warfare

A Infinity Ward anunciou na última quarta-feira (3) novas medidas para combater racismo no Call of Duty: Modern Warfare e Warzone, em resposta aos protestos que estão acontecendo nos Estados Unidos.

Algumas das medidas são diminuir a tolerância nos banimentos, aumentar o tempo que os jogadores ficam banidos e melhorar o sistema de denúncia para todos poderem reportar atos tóxicos com mais facilidade. Veja:

“Não há espaço para racismo em nosso jogo. Nós não toleramos desde o lançamento, mas podemos fazer um trabalho melhor. Estamos banindo milhares de contas com nomes racistas e direcionadas ao ódio. Mas sabemos que ainda temos que fazer mais, e essas são as medidas: recursos extras para monitorar conteúdo racista; recursos extras para aumentar banimentos; filtros e restrições para os usernames que forem alterados; melhorar sistema de denúncia para facilitar que os jogadores reportem ofensas; e aumentar o tempo do banimento. Nós pedimos desculpas aos jogadores. Nosso comprometimento é com vocês, nossos fãs. Obrigado.”

Call of Duty: Modern Warfare está disponível para PlayStation 4, Xbox One e PC. Confira o nosso review!