Homeland | Showrunner fala sobre a influência do governo Trump na nova temporada

"A vida real é muito mais assustadora do que aquilo que estamos escrevendo", disse

Redação NerdBunker Publicado por Redação NerdBunker
Homeland | Showrunner fala sobre a influência do governo Trump na nova temporada

Anualmente, os roteiristas de Homeland vão até Washington e se encontram com oficiais da Inteligência dos EUA para terem ideias para as tramas dos próximos episódios. Porém, esse ano a coisa foi um pouco diferente, por conta do governo de Donald Trump. Conversando com a EW, o showrunner Alex Gansa relatou como foi o encontro deste ano:

Quando começamos a trabalhar na temporada, em maio, as coisas pareciam fora de controle na Casa Branca. Nós já nos acostumamos com essas coisas, mas ao mesmo tempo, o que ouvimos esse ano não eram tão normais. Alguns oficiais da Inteligência que conversaram conosco em Washington disseram que todos os dias quando acordam pegam o telefone para terem certeza de que a Coreia do Sul ainda existe. Quando você enfrenta esse tipo de incerteza é difícil de traçar paralelos em nosso mundo. A vida real é muito mais assustadora do que aquilo que estamos escrevendo. Essa é a situação do nosso país e nós enquanto contadores de histórias nos encaixamos nela.

Estamos contando uma história que é paralela ao nosso mundo. O governo Trump está isolado no meio de algumas batalhas, enfrentando dificuldades em relação à segurança nacional e o que eles chamam de “Estado Profundo”. O governo da série está enfrentando os mesmos problemas, mas de forma inversa — a administração Trump é conservadora e a de Keene é liberal, mas muitos problemas são os mesmos. Existe uma paranoia dentro do Salão Oval. Também conseguimos representar de forma verossímil as forças que ameaçam a segurança nacional. É um duelo de forças interessante. Passamos muito tempo em Washington conversando sobre como é estar no meio disso e escutamos muitas coisas de todos os lados.

Homeland volta como novos episódios nos EUA em 11 de fevereiro de 2018. A estreia no Brasil ainda não foi definida.

div-ad-vpaid-1
div-ad-sidebar-1
div-ad-sidebar-halfpage-1