Esquadrão Suicida de James Gunn será chamado “The Suicide Squad” e não será continuação

Filme deve ter retorno de Arlequina, Amanda Waller e Rick Flag

João Abbade Publicado por João Abbade
Esquadrão Suicida de James Gunn será chamado

Dirigido por James Gunn, o novo filme de Esquadrão Suicida não será uma continuação da produção feita em 2016 por David Ayer, confirmou o produtor da DC Peter Sanfran. O longa oficialmente se chamará “The Suicide Squad” e deve contar com o retorno de poucos personagens do primeiro, como: a Arlequina de Margot Robbie, Rick Flag e a Amanda Waller de Viola Davis.

A nova versão do supergrupo será escrita e dirigida por James Gunn (Guardiões da Galáxia) e usará o filme como um novo posicionamento para o universo DC — com um elenco completamente novo e um tom mais engraçado e divertido.

Entre os personagens que estão sendo especulados no longa estão: Caça-Ratos, também conhecido como Otis Flannegan, um vilão que adora aterrorizar os outros com gás venenoso; Tubarão Rei, que é um tubarão humanoide, conforme o próprio nome sugere; Colcha Louca, que consegue criar bolinhas coloridas em seu corpo e pode usar elas como projéteis e, por fim, o Pacificador, também conhecido por Christopher Smith, que é alguém tão obcecado com pacifismo que até mataria por isso. Além dos quatro, o filme deve ter o retorno do Pistoleiro (que agora deve ter Idris Elba substituindo Will Smith.)

A Warner já havia encomendado uma versão do roteiro de Esquadrão Suicida para David Bar Katz (Freak) e Todd Stashwick (Gotham). Antes deles, o próprio antigo diretor do filme, Gavin O’Connor, ia assinar uma outra versão do roteiro. Todas essas versões anteriores foram arquivadas agora que Gunn assumiu o controle criativo total do filme.

Esquadrão Suicida 2, que ainda não tem um nome oficial, chega aos cinemas norte-americanos em 6 de agosto de 2021. Depois dessa empreitada, Gunn retorna à Marvel para dirigir Guardiões da Galáxia Vol. 3.