Surpresas e esnobados do Emmy 2021

Os prêmios mais inesperados da noite

Camila Sousa Publicado por Camila Sousa
Surpresas e esnobados do Emmy 2021

O Emmy 2021 foi realizado na noite de ontem (19), e a Academia de Televisão surpreendeu em algumas categorias, mas esnobou produções favoritas em outras.

Queridinha dos fãs da Marvel, WandaVision só ficou mesmo nas categorias técnicas do Creative Awards, enquanto nomes inesperados como Evan Peters e Ewan McGregor foram premiados.

Confira abaixo as maiores surpresas e esnobadas da noite:

Evan Peters (Mare of Easttown) – Surpresa

Evan Peters fez um trabalho incrível em Mare of Easttown, mas ele tinha concorrentes fortes na categoria de Melhor ator coadjuvante em minissérie ou filme para TV, incluindo três nomes do musical Hamilton. No entanto, a Academia de Televisão o escolheu, entregando seu primeiro Emmy.

Kathryn Hahn (WandaVision) – Esnobada

O trabalho de Kathryn Hahn foi um dos destaques de WandaVision, mas não o suficiente para render o prêmio de Melhor atriz coadjuvante em minissérie ou filme para TV. O prêmio ficou com Julianne Nicholson, por Mare of Easttown.

Ewan McGregor (Halston) – Surpresa

Nunca é ruim premiar Ewan McGregor, mas a categoria de Melhor ator em minissérie ou filme para TV tinha dois nomes de Hamilton (Lin-Manuel Miranda, Leslie Odom Jr.) e Paul Bettany, de WandaVision. Mas a estatueta ficou com o eterno Obi-Wan, pela série da Netflix sobre a história do estilista Halston.

The Handmaid’s Tale – Esnobada

A série sobre June Osborn teve 21 indicações ao Emmy 2021, mas não venceu em nenhuma categoria – nem no Primetime, nem no Creative Awards. Ainda que as temporadas recentes não tenham uma qualidade tão grande quanto as primeiras, é curioso ver uma série tão aclamada sair de mãos vazias.

Olivia Colman (The Crown) – Surpresa

The Crown é uma das favoritas do Emmy, e Olivia Colman já venceu em outros anos, mas nesta edição ela concorria diretamente com Emma Corrin, que interpretou a princesa Diana na mesma série, e era a favorita. Mas a Academia de Televisão optou por uma escolha mais “tradicional”.

Michael K. Williams (Lovecraft Country) – Esnobado

O ator Michael K. Williams, que morreu no começo de setembro, estava entre os favoritos como melhor ator coadjuvante de série dramática por sua incrível atuação em Lovecraft Country, mas acabou perdendo para Tobias Menzies, de The Crown.

O Gambito da Rainha – Surpresa

O último prêmio da noite foi o de Melhor Minissérie, e a vitória de O Gambito da Rainha foi inesperada. A produção concorria com as favoritas Mare of Easttown e I May Destroy You, e também com WandaVision. Mas a história de Beth Harmon conquistou a Academia de Televisão.

WandaVision – Esnobada

Por fim, a primeira minissérie da Marvel no Disney+ foi esnobada no Primetime Emmy Awards. A série levou três prêmios nas categorias técnicas do Creative Awards e fez história com isso, mas não foi lembrada em nenhuma categoria da cerimônia principal.

Mais notícias