…E O Vento Levou volta ao catálogo do HBO Max com vídeo sobre o conteúdo racista

O longa de 1939 tinha sido retirado após críticas ao racismo apresentado

Fernanda Talarico Publicado por Fernanda Talarico
...E O Vento Levou volta ao catálogo do HBO Max com vídeo sobre o conteúdo racista

O longa …E O Vento Levou, clássico do cinema americano lançado em 1939, voltou ao catálogo do HBO Max após ter sido retirado por causa de seu conteúdo racista (relembre aqui).

Segundo informações da Variety, a produção agora apresenta um vídeo de introdução apresentado pela cineasta Jacqueline Stewart, da Black Cinema House.

Ela explica que, mesmo depois de 80 anos após o seu lançamento, o longa tem um grande significado cultural, pois além de retratar as práticas racistas do passado em Hollywood, ele fala sobre as desigualdades raciais que existem até hoje.

A diretora também comenta sobre como os escravos são retratados em …E O Vento Levou, explicando que o filme não reconhece as “brutalidades do sistema escravista no qual o mundo é baseado até hoje”.

Além do vídeo introdutório, dois outros conteúdos também acompanham o longa. Um deles aborda o controverso legado da produção e o outro conta a história de Hatti McDaniel, a primeira atriz negra a ganhar um Oscar.

O longa é ambientado durante e depois da Guerra Civil americana e é criticado pela sua representação da escravidão. Baseado no romance escrito por Margaret Mitchell, o filme apresenta personagens escravos que parecem satisfeitos com a vida que levam e que permanecem leais aos seus antigos proprietários mesmo após a abolição da escravidão.

…E O Vento Levou foi dirigido por Victor Fleming e recebeu 10 Oscars.