Duna é “complexo demais” para ser contado em apenas um filme, segundo diretor

Denis Villeneuve decidiu dividir a história em dois longas

Marina Val Publicado por Marina Val
Duna é

A Warner Bros. pode não ter anunciado oficialmente a sequência de Duna, longa baseado na obra de Frank Herbert, mas se depender do diretor, isso vai acontecer e um roteiro já está sendo produzido.

Em entrevista à Vanity Fair, Denis Villeneuve (A Chegada; Blade Runner 2049) deixou claro que sua intenção sempre foi contar a história em pelo menos duas partes.

Eu não concordaria em fazer essa adaptação do livro em apenas um filme. O mundo é complexo demais. É um mundo que tira o poder dos detalhes.

Na interpretação do diretor, a história sobre um planeta sendo minerado até a extinção não é apenas uma aventura espacial:

Não importa no que você acredite, a Terra está mudando e nós teremos que nos adaptar. É por isso que eu acredito que Duna, este livro, foi escrito no século 20. É um retrato distante da realidade do petróleo, do capitalismo e da exploração – a superexploração – da Terra. Hoje, as coisas estão apenas piores. É uma história sobre crescer, mas também um chamado à ação para os jovens.

Villeneuve também comentou que fez algumas alterações no barão Vladimir Harkonnen, para que o personagem ficasse mais crível e menos caricato:

Por mais que ame muito o livro, senti que o barão estava frequentemente flertando com a caricatura e tentei dar a ele um pouco mais de profundidade. É por isso que eu trouxe o Stellan [Skarsgård]. Stellan tem algo nos olhos. Você sente que tem alguém ali pensando, pensando – isso traz tensão de quem está calculando por dentro, bem no fundo dos olhos. Eu posso testemunhar, isso pode ser bem assustador.

A história acompanha Paul Atreides e sua família, que toma o controle do planeta Arrakis. Os cidadãos do lugar passam a contestar a influência dos novos governantes e então uma trama que trata de política, religião e a relação do homem com a natureza passa a se desenrolar.

O elenco do filme conta com Timothee Chalamet, Stellan Skarsgard, Rebecca Ferguson, Dave Bautista, Charlotte Rampling, Javier Bardem, Zendaya, Jason Momoa e Oscar Isaac.

A nova adaptação cinematográfica de Duna comandada por Denis Villeneuve tem estreia prevista para 17 de dezembro de 2020 no Brasil.