O caminho do Doutor Estranho até o Multiverso da Loucura

Relembre a jornada do Mago antes da estreia do novo filme da Marvel

Gabriel Avila Publicado por Gabriel Avila
O caminho do Doutor Estranho até o Multiverso da Loucura

Um dos filmes mais esperados dos últimos anos, Doutor Estranho no Multiverso da Loucura chega aos cinemas nesta semana. Com a responsabilidade de abrir de vez as portas do multiverso da Marvel, a produção é a nova etapa na jornada de Stephen Strange pelo MCU.

Interpretado por Benedict Cumberbatch, o personagem foi de um prestigiado cirurgião a um dos maiores heróis da Terra. Em preparação para a nova aventura do Mago, reunimos abaixo uma retrospectiva completa com toda a sua trajetória no Universo Marvel nos cinemas.

Stephen Strange

Benedict Cumberbatch como Doutor Estranho
  • Codinome: Doutor Estranho
  • Primeira aparição: Doutor Estranho (2016)
  • Aparece em: Doutor Estranho, Thor: Ragnarok (2017), Vingadores: Guerra Infinita (2018), Vingadores: Ultimato (2019), Homem-Aranha: Sem Volta Para Casa (2021) e What If…? (2021).

A primeira vez que os fãs da Marvel ouviram o nome “Stephen Strange” nos cinemas foi quando Jasper Sitwell (Maximiliano Hernández) citou o doutor como uma das ameaças à Hidra durante Capitão América: Soldado Invernal (2014). Porém, levaram dois anos para o público finalmente conhecer o arrogante cirurgião interpretado por Benedict Cumberbatch.

Importante médico de Nova York, Strange era dono de um talento que só se comparava ao seu ego. Por um lado, ele executava façanhas impressionantes e resolvia casos impossíveis. Por outro, ele escolhia pacientes que atraíssem atenção a seu nome e chegava a recusar casos que poderiam dar errado e manchar sua reputação.

O orgulhoso cirurgião Stephen Strange

Essa vaidade, que levava a acessos de raiva e humilhação de colegas, só chegou ao fim após uma dolorosa jornada que começou com o acidente automobilístico que danificou suas preciosas mãos. Em busca de recuperar os movimentos completos de suas principais ferramentas na medicina, ele entrou em uma jornada em busca de tratamentos experimentais e caros. Nenhum deles dá certo e ele acaba buscando uma alternativa no Nepal.

Levado ao Kamar-Taj, o lar dos Mestres das Artes Místicas, ele é apresentado ao mundo da magia pela Anciã (Tilda Swinton). Descrente e arrogante, ele se revolta ao descobrir que o local não é regido pela ciência, chegando a acusar a mestra e seus discípulos de charlatanismo. Ele é convencido do contrário ao testemunhar os dons da maga, que leva sua alma por uma viagem através de dimensões.

Quando a Anciã finalmente aceita treiná-lo, um novo mundo se abre diante de Strange. Aos poucos ele aprende habilidades vindas das Artes Místicas, como feitiços, projeção astral, criação de portais e até a conjuração da dimensão espelhada que protege o mundo material de magia.

Anciã colocando o Doutor Estranho em projeção astral

Todo esse conhecimento é colocado à prova quando ele precisa confrontar o vilão Kaecilius (Mads Mikkelsen), que pretende entregar a Terra a Dormammu, entidade que comanda a Dimensão Sombria, em troca de imortalidade. Durante o confronto contra o mago e seus capangas, o Doutor Estranho descobre o terrível segredo da Anciã, que infringiu as leis naturais para roubar energia da Dimensão Sombria para se manter viva ao longo de séculos.

Essa descoberta acontece pouco antes da morte da mestra, o que deixa Strange e os magos Wong (Benedict Wong) e Mordo (Chiwetel Ejiofor) com a difícil missão de impedir Kaecilius de trazer a Dimensão Sombria para a Terra. Em um embate nas ruas de Hong Kong, o Doutor Estranho usa a Joia do Tempo – até então conhecida como Olho de Agamotto – para prender Dormammu em um looping temporal. Assim, ele realiza uma barganha e liberta a entidade desde que ela deixe a Terra em paz.

“Dormammu, eu vim barganhar”

Quando Dormammu bate em retirada, seus discípulos morrem pela falta de sua energia sombria. Livre de Kaecilius, Strange se torna o mestre do Sanctum Sanctorum, nome da base dos Mestres das Artes Místicas em Nova York.

De lá ele passa a monitorar atividades perigosas para o mundo, como a chegada de Loki à Terra. A preocupação com a presença do Asgardiano leva o mago a conhecer Thor, que explica que ele e o irmão só estão ali para encontrar o pai, Odin. Para encurtar a estadia do Deus da Trapaça, Strange leva a dupla ao pai, que estava se escondendo na Noruega.

A chegada de Thanos

O Doutor Estranho e o Sanctum voltaram a ser perturbados com a chegada de Thanos, que levou sua busca das Joias do Infinito para a Terra. O Mago descobre a ameaça quando Bruce Banner (Mark Ruffalo) cai em seu lar alertando sobre o que está por vir. Eles se reúnem com Tony Stark (Robert Downey Jr.) e tentam bolar um plano, mas são interrompidos pela chegada de lacaios do Titã Louco.

Doutor Estranho, Homem de Ferro, Hulk e Wong unem forças contra capangas de Thanos

Os heróis lutam contra Fauce de Ébano e Cull Obsidian em um combate que termina com o sequestro do Doutor Estranho. Dentro de uma nave da frota de Thanos, o mago é torturado em uma tentativa do Fauce de cancelar o feitiço que impede a retirada da Joia do Tempo. Por fim, Strange é salvo pelo Homem de Ferro e pelo Homem-Aranha, com quem acaba indo para o planeta Titã, em um plano desesperado para manter a Joia longe da Terra e do vilão.

Lá eles conhecem os Guardiões da Galáxia e descobrem que o grupo tem o mesmo objetivo de derrotar Thanos. Depois de unir forças e bolar um plano com os outros heróis, Strange usa o Olho de Agamotto para visualizar 14.000.605 futuros possíveis para descobrir em quantos os heróis vencem. Nada animadora, a resposta é que há apenas uma chance de triunfo.

Quando Thanos finalmente chega, a equipe formada por Guardiões e Vingadores quase consegue derrotá-lo e roubar a Manopla do Infinito. Porém, o vilão assume vantagem e quase mata o Homem de Ferro. Sabendo que a única forma de derrotar o Titã Louco é o sacrifício de Tony Stark, o Doutor Estranho propõe uma barganha e aceita trocar a Joia do Tempo caso o Homem de Ferro fosse poupado.

Doutor Estranho revela ao Homem de Ferro a única forma de vencer Thanos

Assim foi feito e Thanos seguiu em frente com seu plano de acabar com metade da vida na galáxia. Seu estalar de dedos eliminou metade das criaturas vivas, e entre elas estava o Doutor Estranho. O mago só voltou cinco anos depois, quando os Vingadores conseguem trazer todos de volta. Ele retorna no meio da grandiosa batalha que terminou com a derrota do vilão.

Homem-Aranha e a abertura do Multiverso

Os problemas voltaram a procurar o Doutor Estranho após a queda de Thanos. Nos cinco anos que ficou ausente, ele perdeu o cargo de Mago Supremo, que passou para Wong, e precisou literalmente colocar ordem no Sanctum Sanctorum. Nesse tempo, Peter Parker pediu uma ajudinha para que o mundo esqueça que ele é o Homem-Aranha.

Apesar dos protestos de Wong, que ressaltou os perigos do feitiço, Strange foi adiante e o lançou assim mesmo. As coisas de fato dão errado por causa de Parker, que ficou pedindo por alterações enquanto a magia era preparada. O encanto não apenas falhou em apagar a identidade secreta do rapaz, como ainda abriu as portas para que pessoas de outros universos chegassem à Terra do MCU.

O que aconteceu foi que todo mundo que sabia a identidade secreta do Homem-Aranha foi “puxado” para esse universo. Com isso, alguns dos grandes inimigos do Teioso acabam por lá, como Duende Verde e Doutor Octopus. A saída encontrada por Strange é mandá-los de volta para suas respectivas casas, mas como todos eles morreram em seus universos, o Homem-Aranha rejeita a ideia.

O desentendimento entre os dois não acaba bem e Strange leva Peter para a dimensão espelhada. Lá, o jovem usa a matemática para prender o Doutor Estranho tempo o suficiente para que ele cure os vilões e os envie para casa sem condená-los à morte.

O mago retorna pouco após o dispositivo que poderia mandar os criminosos de volta ser destruído pelo Duende Verde. Com isso, a única saída é realizar um novo feitiço que faça com que absolutamente todo mundo esqueça que Peter Parker é o Homem-Aranha, uma manobra que apaga memórias de amigos e parentes do herói.

Após se despedir do Teioso e se esquecer de quem ele é, o Doutor Estranho não foi mais visto. Sua próxima aparição acontecerá em Multiverso da Loucura, em que ele se verá obrigado a lidar com ameaças vindas de outros universos após ele abrir as portas dessa realidade.

Com direção de Sam Raimi (Homem-Aranha), Doutor Estranho no Multiverso da Loucura tem estreia marcada para esta quinta-feira (5) nos cinemas brasileiros.

div-ad-vpaid-1
div-ad-sidebar-1
div-ad-sidebar-halfpage-1