Death Note | Diretor deleta conta no Twitter após agressões e ameaças de morte

Ele vinha recebendo ameaças antes mesmo do filme estrear

Amanda Duboc Ponsi Publicado por Amanda Duboc Ponsi
Death Note | Diretor deleta conta no Twitter após agressões e ameaças de morte

Depois das críticas não muito boas, Adam Wingard, o diretor da adaptação de Death Note pra a Netflix, acabou apagando sua conta no Twitter.  A saída do cineasta da rede social foi abrupta, mas antes de deletar sua conta, o diretor havia feito suas últimas postagens reclamando do tipo de tratamento que os fãs estavam dando a ele.

Tweets como “Desculpe Trolls, mas os artistas sempre ganham no longo-prazo”, ou, “Crítica cinematográfica é bem diferente de ficar xingando cineastas no Twitter” e até mesmo “Eu amo como as pessoas ficam pessoalmente atacadas com isso” foram alguns dentre as últimas atividades de Adam Wingard na rede social.

O diretor não deu nenhum aviso prévio, mas graças ao caráter da situação e seus últimos tweets, nota-se que ele deixou o site por agressões online.

O site Fansided  ainda reporta que o real motivo da saída do diretor seriam as ameaças de morte que ele vinha recebendo na rede social desde que o filme estreou.chrome_2017-09-12_09-41-27

O filme de Death Note da Netflix conta a história de Light Turner (Light Yagami no mangá original), um estudante do ensino médio que encontra um caderno capaz de causar a morte de alguém apenas escrevendo o nome da pessoa e pensando no rosto dela. Entretanto, todo esse poder sobe à cabeça do jovem e ele começa uma caçada conta aqueles que julga indignos de viver.

Death Note já está disponível na Netflix e você pode conferir nossa crítica aqui!