David Fincher critica maneira como Coringa aborda transtornos mentais

Diretor diz que vê o filme como uma mistura entre Taxi Driver e O Rei da Comédia

Tayná Garcia Publicado por Tayná Garcia
David Fincher critica maneira como Coringa aborda transtornos mentais

Em entrevista para a The Telegraph, o cineasta David Fincher fez alguns comentários sobre Coringa, filme de 2019 que saiu como vencedor de duas estatuetas do Oscar.

O diretor descreveu o longa como uma mistura de Taxi Driver e O Rei da Comédia, ambos de Martin Scorsese, e criticou a maneira como ele aborda transtornos mentais.

Eu não acho que ninguém teria olhado para o material do filme e, em seguida, pensado: “Sim, vamos misturar Travis Bickle [de Taxi Driver] e Rupert Pipkin [de O Rei da Comédia], transformando em uma traição àqueles que sofrem de transtornos mentais e fazer bilhões de dólares em cima disso”.

Coringa foi um sucesso de bilheteria, arrecadando mais de US$ 1 bilhão mundialmente. O filme venceu em duas categorias do Oscar 2020: Melhor Ator e Melhor Trilha Sonora Original.

Mais notícias