Corinthians vence a final do Mundial de Free Fire

Uma final emocionante, com vitória de virada

Marina Val Publicado por Marina Val
Corinthians vence a final do Mundial de Free Fire

A final do Mundial de Free Fire aconteceu neste sábado (16), no Rio de Janeiro, e trouxe muita animação da torcida brasileira que, desde o começo estava dividida principalmente entre os dois times nacionais. Ao longo do dia, conforme a Loud caía na tabela e o Corinthians se mantinha no topo, os gritos foram mudando e quase uniformemente começou a torcer pelo mesmo time.

Em boa parte das rodadas, os russos da Sbornaya Chr lideraram e se mantiveram no topo. Entretanto, nas duas quedas finais, o Booyah foi do Corinthians, que virou o jogo em uma final emocionante.

No final, os campeões brasileiros levaram US$ 200 mil (cerca de R$ 839 mil na cotação de hoje), os russos ficaram em segundo lugar e receberam US$ 80 mil (aproximadamente R$ 335 mil) e os tailandeses da Illuminate ficaram em terceiro e ganharam US$ 40 mil (cerca de R$ 167 mil) como prêmio.

Pontuação após as 8 rodadas da Final do Mundial de Free Fire
Pontuação após as 8 rodadas da Final do Mundial de Free Fire

Como foi acompanhar a Mundial de Free Fire

A abertura contou com uma música feita especialmente para o mundial de Free Fire feita pelo MC JottaPê e com uma participação especial de Mano Brown. Logo em seguida, Alok fez uma apresentação cheia de pirotecnia.

Aliás, o DJ responsável por “Vale Vale” não deu as caras apenas na abertura. Como recentemente ele foi transformado em um personagem do jogo, ele foi um dos mais presentes na formação de todas as equipes.

Free Fire ultrapassa receita de US$ 1 bilhão

Queda a Queda

As partidas começaram emocionantes. A Loud foi a segunda equipe a ser eliminada, mas ainda alimentava a esperança dos fãs de recuperação. Enquanto isso, a Illuminate levou o primeiro Booyah da competição e deixou o Corinthians em segundo lugar.

Na segunda rodada, a primeira a cair foi a Dranix, da Indonésia. A Loud acabou sendo encurralada entre dois times e não conseguiu pontuar bem. Sbornaya Chr venceu a partida, depois de uma trocação emocionante com o Corinthians, que ficou em segundo.

Terceira queda, Corinthians e Loud caíram praticamente juntos, prematuramente. Artic Gaming ficou em segundo e Sbornaya Chr levou seu segundo Booyah.

Ao fim da quarta rodada, a Loud ficou na quarta posição, com dois membros literalmente atropelados por um veículo nos segundos finais. O último sobrevivente da Sbornaya Chr caiu logo em seguida. Infinity eSports Mobile levou seu primeiro Booyah e o Team Flash ficou em segundo lugar.

Na quinta queda, a Dranix foi a primeira a cair. Corinthians ficou em segundo, depois de focar em derrubar a equipe russa da Sbornaya, que ficou em terceiro. Enquanto isso, LGDS consegui avançar e alcançou o seu primeiro Booyah.

Na sexta queda, LGDS repetiu o Booyah e deixou Sbornaya Chr em segundo e Illuminate em terceiro. O sonho da torcida brasileira de ver um campeão nacional parecia cada vez mais distante, mas ainda não estava tudo perdido.

E na penúltima partida do dia, o Corinthians fez uma virada emocionante e levou o Booyah, logo depois de eliminar justamente quem estava no topo da tabela até então, a Sbornaya Chr.

Na queda final, Loud foi a primeira a cair, se despedindo do mundial. Para a surpresa de todos, a Sbornaya Chr perdeu dois membros prematuramente e não demorou para ser eliminada. Com isso, o Corinthians avançou, levou o último Booyah e foi coroado campeão do Mundial de Free Fire, para o delírio da torcida brasileira.

MVP apaixonado pelo Corinthians

Nobru, escolhido como MVP do Mundial de Free Fire, aproveitou a coletiva de imprensa logo após a competição para declarar o seu amor pelo seu time do coração: o Corinthians. Ele relembrou a história que sonhava desde pequeno em ser jogador de futebol pelo time, mas que acabou realizando seu sonho de vestir a camisa na equipe do Free Fire.

Os campeões também declararam que queriam muito que a taça do mundial ficasse em algum time brasileiro e que, quando caíam cedo, torciam muito para a Loud.