Coringa | Cena foi cortada do filme por ser “insana demais”, segundo diretor

Todd Phillips revelou que o momento foi improvisado

Fernanda Talarico Publicado por Fernanda Talarico
Coringa | Cena foi cortada do filme por ser

Coringa deve entrar na corrida para o Oscar 2020 e uma das categorias em que o filme está mais bem cotado é a de Melhor Ator para Joaquin Phoenix.

Em entrevista para o canal do Festival de Cinema de Santa Barbara, o diretor Todd Phillips reafirmou que o ator merece uma indicação no maior prêmio da industria também pelas improvisações feitas por Phoenix no set.

Phillips explicou que, em dias que conseguiam terminar as gravações mais cedo, eles aproveitavam para fazer cenas improvisadas para o filme. Inclusive, duas delas estão no corte final do longa: o momento em que Arthur Fleck entra na própria geladeira e quando ele sai do apartamento de Sophie dando risada.

O diretor afirmou que algumas cenas foram cortadas por terem sido consideradas “loucas demais”, mesmo com o filme sendo para maiores de idade. Uma delas acontecia em uma banheira e Phillips a considerou insana demais para entrar no corte final.

Tem uma cena incrível que fizemos em uma banheira, mas não a colocamos no filme, mesmo sendo para maiores de idade, e não por ela se pornográfica ou algo do gênero, mas porque ela era simplesmente insana.

Coringa se tornou o filme baseado em HQ mais lucrativo da história e já rendeu mais de US$ 953 milhões mundialmente. Ele continua disponível nos cinemas do Brasil. Confira a nossa crítica!