Agência dos EUA abre investigação contra Activison Blizzard por acusações de assédio

A agência intimou uma série de executivos para depor, incluindo o CEO da empresa, Bobby Kotick

Tayná Garcia Publicado por Tayná Garcia
Agência dos EUA abre investigação contra Activison Blizzard por acusações de assédio

De acordo com uma reportagem da Wall Street Journal desta segunda (20), a Comissão de Valores Mobiliários dos Estados Unidos (SEC, no inglês) abriu uma investigação contra a Activision Blizzard por causa das acusações de discriminação e assédio sexual que a empresa recebeu em julho.

A agência intimou uma série de executivos para depor, incluindo o CEO Bobby Kotick, e ainda requisitou documentos, minutas de reuniões e dados pessoais de funcionários.

Com a investigação, o objetivo da SEC é verificar se a empresa lidou — e ainda lida — com as acusações de forma adequada.

O processo contra a Activision Blizzard teve início em julho, mas está se estendendo por meses, passando por uma nova ação judicial.

Mais notícias