Ações da Sony caem após Microsoft comprar a Activision Blizzard

Empresa japonesa perdeu US$ 20 bilhões de valor de mercado após a notícia da aquisição

Vítor Heringer Publicado por Vítor Heringer
Ações da Sony caem após Microsoft comprar a Activision Blizzard

A notícia da compra da Activision Blizzard por parte da Microsoft chocou a indústria na terça-feira (18). Um dos principais impactos da aquisição aconteceu logo com a Sony, concorrente direta no setor de games. A empresa japonesa viu as suas ações caírem em cerca de 13%, perdendo US$ 20 bilhões de valor de mercado.

Segundo a Bloomberg, esta se trata da maior queda de ações da companhia desde 2008, quando precisou recolher 100 mil baterias de laptop por conta de risco de incêndio.

Em contrapartida, as ações da Activision Blizzard subiram 25% após a notícia da aquisição ser divulgada. Possivelmente, está atrelada a uma provável reorganização da publisher de Call of Duty após os processos de assédio sexual e discriminação no trabalho.

Já as ações da Microsoft caíram 2,5% com o anúncio. Segundo o site Investopedia, investidores podem estar receosos quanto ao processo regulatório do acordo. Todavia, o valor de mercado da companhia voltou a crescer nesta quarta-feira (19), mesmo de forma tímida (0,61% até a matéria ser publicada).

A Microsoft desembolsou US$ 68,7 bilhões para adquirir a editora. A compra é a maior da história da indústria e deve ser concluída apenas no ano fiscal de 2023 (junho de 2022 a julho de 2023). Após isso, a dona do Xbox terá outras franquias famosas à sua disposição, como Crash Bandicoot, Overwatch, Diablo e World of Warcraft.

div-ad-vpaid-1
div-ad-sidebar-1
div-ad-sidebar-halfpage-1