Abelhas sabem fazer operações matemáticas simples, aponta pesquisa

Insetos conseguem somar e subtrair

Cesar Gaglioni Publicado por Cesar Gaglioni

Uma pesquisa realizada por neurocientistas das universidades de Melbourne, Toulouse e Monash concluiu que abelhas do gênero Apis, responsáveis pela produção de mel, conseguem realizar operações matemáticas simples de soma e subtração.

O experimento consistiu em um sistema de demanda e recompensa para as abelhas. Os pesquisadores montaram uma espécie de labirinto com placas que traziam desenhos coloridos.

Desenhos azuis significavam adição de uma unidade, desenhos amarelos significavam subtração de uma unidade. Antes de entrar no labirinto, as abelhas se deparavam com uma placa com uma quantidade x de quadrados de uma das duas cores. Entrando no espaço, elas tinham duas opções, uma com o resultado correto da operação, e a outra com um resultado incorreto, que iam mudando conforme as iterações do experimento.

Caso as abelhas escolhessem o resultado correto, elas tinham acesso a um pote de água com alta concentração de açúcar. Caso escolhessem o incorreto, recebiam água com uma substância amarga.

Fonte: Science Advances/Reprodução

O time concluiu que nas primeiras tentativas, as abelhas faziam uma decisão aleatória. Porém, com o tempo, elas foram aprendendo o significado das cores e o valor numérico das placas.

Depois de 100 tentativas de controle, com sucesso em 50% das vezes, os pesquisadores passaram para uma nova rodada do experimento. Nessa segunda rodada, as abelhas acertaram o resultado em 72% das vezes.

A pesquisa conclui que é possível um cérebro miniaturizado aprender operações matemáticas simples, e isso poderia ser usado para aumentar o poder de resolução de problemas de Inteligências Artificiais. O artigo completo pode ser lido aqui, e os autores publicaram uma versão resumida aqui.