“Besouro” mistura Tigre e o Dragão e Capoeira

Hollywood é emblemática: Robões gigantes lutando, fim do mundo, cenários dantescos, capas esvoaçantes e lutas que desafiam a gravidade. Há anos que o cinema brasileiro está, digamos, executando filmes para atingir esse publico alvo. Agora, uma surpresa: Besouro, filme que mistura lutas, cultura baiana e romance tem potencial de ser o nosso pequeno blockbuster! O […]

Hollywood é emblemática: Robões gigantes lutando, fim do mundo, cenários dantescos, capas esvoaçantes e lutas que desafiam a gravidade. Há anos que o cinema brasileiro está, digamos, executando filmes para atingir esse publico alvo. Agora, uma surpresa: Besouro, filme que mistura lutas, cultura baiana e romance tem potencial de ser o nosso pequeno blockbuster!

O longa metragem totalmente rodado em terras brazucas foi dirigido por João Daniel Tikhomiroff, um publicitário mantenedor de vários prêmios, e conta nada mais e nada menos com o coreógrafo de ação Hiuen Chiu Ku, responsável pelos efeitos especiais e lutas de “O tigre e o dragão” e “Kill Bill”.

A trama é sobre o lendário Besouro Mangagá, na década de 1920, época que contava como forte escravismo na região da baiana. Devido a luta do capoeirista contra opressão, ele logo se elevou a condição de mito, passado de geração em geração pelos capoeiristas.  O orçamento estimado é de 10 milhões de reais.

O filme foi baseado no livro Feijoada no Paraíso, de Marco Carvalho, e roteiro é de Patriucia Andrade, a mesma do aclamado Dois Filhos de Francisco. Quem assina a produção é a Globo Filmes.

Confiram o excelente trailer do filme!

Via G1


Efraim FernandesEfraim Fernandes REALMENTE ficou empolgado com esse filme!

.